Mobieco

Publicidade

Questão de meses, diz CEO. Bentley adia lançamento do primeiro EV para 2026

Texto: Francisco Cruz
Data: 28 de Julho, 2022

Considerado um dos elementos centrais na nova estratégia Beyond100 da britânica Bentley, o lançamento do primeiro modelo elétrico (EV) na história da marca acaba de ser adiado. Inicialmente previsto para 2025, a proposta terá agora sido atrasada para 2026.

Modelo cujo desenvolvimento está a ser feito dentro de portas, em Crewe, enquanto parte de um significativo investimento que ronda os 2,5 mil milhões de libras esterlinas (cerca de 2,97 mil milhões de euros à cotação atual), o primeiro veículo elétrico (EV) do Bentley sofre, assim, o primeiro revés conhecido.

Um atraso que, no entanto e conforme também explicou o CEO da Bentley, Adrian Hallmark, em declarações à Automotive News Europe, deverá ser encarado mais como “uma questão de meses”, do que propriamente anos.

A Bentley prepara o crescimento da sua gama, com a adição do primeiro modelo 100% elétrico. Agora adiado...
A Bentley prepara o crescimento da sua gama, com a adição do primeiro EV, agora adiado para 2026…

De resto, o mesmo responsável fez também questão de deixar claro que, na base desta decisão, não está qualquer problema relacionado com as notícias de que a casa-mãe, o Volkswagen Group, estará a enfrentar problemas de software naquela que será a próxima geração de veículos elétricos topo de gama do grupo. Com a revista alemã Automobilwoche a precisar, inclusivamente, que o problema estaria na divisão de software do grupo, a Cariad, a qual estará atrasada no desenvolvimento do chamado Projecto Artemis.

Recordar que, o Projecto Artemis, é a base sobre a qual as marca de premium e de luxo do Grupo Volkswagen, como é o caso da Audi, da Porsche ou da Bentley, têm previsto assentar os seus EV topo de gama.

LEIA TAMBÉM
Testes vão começar. Primeiro Bentley eléctrico chega já em 2025

Aliás e numa altura em que os rumores começam a ligar a saída do até aqui topo-poderoso Chairman do Volkswagen Group, Herbert Diess, precisamente aos problemas registados na Cariad, tendo sido substituído, logo de imediato, pelo CEO da Porsche, Oliver Blume, é também a Automobilwoche que avança que, os atrasos na tecnológica, terão já obrigado a um adiamento, também, do primeiro Audi baseado na futura Scalable Systems Platform (SSP). O qual deverá agora ser lançado no mercado, já não em 2026, mas em 2027.

Primeiro Bentley EV com preços na ordem dos 250 mil euros

Quanto ao primeiro Bentley EV, a Motor1 recorda que o veículo deverá adoptar o posicionamento de proposta topo de gama, partilhando-a, no entanto, com o atual Mulsanne. Com o qual rivalizará, também, no preço, podendo atingir, segundo também já assumiu publicamente Hallmark, valores na ordem dos 250 mil euros.

Mesmo com a introdução de um modelo elétrico topo de gama, o Mulsanne promete continuar a ser a referência do luxo na Bentley
Mesmo com a introdução de um modelo elétrico topo de gama, o Mulsanne promete continuar a ser a referência do luxo na Bentley

De resto, o modelo deverá exibir, igualmente, potências acima dos 1.400 cv e que lhe permitirão acelerar dos 0 aos 96 km/h, em pouco mais do que um piscar de olhos: 1,5 segundos!

A terminar, recordar, apenas, que, dos planos da Bentley, faz parte o lançamento de mais quatro EV, até ao final da presente década, altura em que a marca britânica espera também poder descontinuar a venda de modelos com motores de combustão.