Primeiro elétrico Toyota na Europa vai surpreendê-lo…

Texto: Nuno Fatela
Data: 8 Julho, 2019

A introdução dos modelos 100% elétricos da Toyota tem um inesperado protagonista. Falamos do Toyota Proace, que integra a forte ofensiva da marca nipónica nos veículos comerciais para a Europa

A Toyota está a apostar forte nos veículos pensados para uma ótica profissional, tornando mesmo esta área num dos seus pilares na estratégia europeia. Exemplo disso é mesmo o facto da marca, ao anunciar os seus planos neste campo, ter confirmado que o Proace será, já no próximo ano, o seu primeiro modelo 100% elétrico a bateria para o Velho Continente. Mas este modelo terá companhia na gama, já que o novo Proace City, que será lançado em fevereiro do próximo ano, vai também ganhar em 2021 uma versão sem emissões poluentes.

Presente no campo dos veículos profissionais com um dos seus maiores ícones, a pick-up Hilux, e com a oferta recentemente reforçada com o furgão médio Proace, a marca consegue estar presente em 37% do segmento dos veículos comerciais na Europa. Mas, graças ao acordo estabelecido com o Grupo PSA, a marca terá a partir do início de 2020 um novo modelo, fulcral para cumprir as suas ambições nesta área.

Esse novo trunfo é o Toyota Proace City, que é um “irmão” daqueles que foram considerados os Melhores Comerciais do Ano. Falamos dos Peugeot Partner, Citroën Berlingo e Opel Combo, com quem o novo modelo nipónico partilha a plataforma e também o local de produção, Vigo. Recorde-se que no caso dos modelos gauleses, Portugal é também um dos seus “berços”, já que os comerciais ligeiros da PSA dão vida à fábrica de Mangualde.

No caso do Toyota Proace City, que permitirá duplicar a presença da marca nos comerciais ligeiros para 75%, existem alguns detalhes específicos para o diferenciar. Isso mesmo fica evidente nas foto, onde se poder ver já implementada a identidade estética do fabricante asiático.

Comerciais elétricos

A maior novidade na apresentação da estratégia da Toyota nos veículos comerciais para a Europa foi mesmo a confirmação de que será nesta área do mercado que surge o primeiro elétrico a baterias (já existe o Mirai, em que o hidrogénio é fonte de energia para motores elétricos…) da marca para o mercado europeu. Embora os detalhes ainda sejam escassos, a marca confirmou que a área de carga não será afetada de forma alguma pela introdução das baterias.

Entre as vantagens desta versão, a lançar em 2020, está a permissão de entrada em todas as áreas das cidades, mesmo tendo em conta as esperadas restrições aos Diesel e a introdução das designadas Green Zones/Zonas Verdes. Para o ano seguinte ficou já garantida a chegada da Proace City elétrica, que também contará com os mesmos privilégios de circulação.

Uma marca para os profissionais

A expansão da gama de comerciais da Toyota vem acompanhada de um novo posicionamento comercial. Para poder dar um acompanhamento mais especializado aos profissionais, surgirá a Toyota Professional, que significa um conjunto de alterações.

A maior novidade está na introdução de espaços específicos nos concessionários para os Toyota Hilux, Proace e Proace City. Dependendo dos espaços comerciais haverá diferenças, mas está garantidas a identificação imediata desta gama. Ao chegar ao concessionário, os clientes dos veículos comerciais também vão passar a ter um “parceiro dedicado”, já que está prevista a formação específica de vendedores nesta área, permitindo assim ter um interlocutor que conhece as necessidades particulares de cada cliente. Serão também implementados espaços próprios para comerciais na reparação e haverá ainda outras vantagens destinadas aos clientes Toyota Professional.

Veja também

Hiper Carro da Toyota já testa no circuito de Fuji (vídeo)
Carro a hidrogénio Toyota circulou em Portugal
Novo Toyota Supra é mais potente que o anunciado
Toyota dá prémio europeu de excelência no Minho
Toyota promete baterias revolucionárias para 2020