“Não vai haver nenhum SUV”

Texto: Nuno Fatela
Data: 24 Janeiro, 2019

Não podia ter sido mais claro Stephan Winkelmann, o CEO da Bugatti, a negar a possibilidade da marca entrar neste segmento, e a frase usada para confirmar essa opção foi “Não vai haver nenhum SUV”. Portanto, terminou a conversa sobre este tema!

Para colocar fim à especulação sobre qual será o segundo modelo da marca, pois alguns apontam para um desportivo de quatro lugares enquanto outros indicam que um SUV é a opção mais forte, a Bugatti veio falar publicamente sobre o tema. E o CEO do fabricante gaulês não podia ter sido mais explícito, declarando taxativamente que “não vai haver nenhum SUV”, colocando imediatamente de parte esta hipótese. E o motivo é simples, surgindo expresso num comunicado da Bugatti que esse tipo de automóvel “não faz justiça à marca e à sua história”. O que significa que até podem vir a surgir futuramente rivais para o Urus da Lamborghini e o prometido SUV Ferrari, mas seguramente nenhum com o símbolo da casa de Molsheim na frente…

 

Com a marca a celebrar em 2019 o seu 110º aniversário, ficaram prometidas “algumas surpresas” para 2019. Entre as quais se espera que possa estar o lançamento de um segundo modelo para fazer companhia ao Chiron na gama. Enquanto não chega esse aguardado momento, a Bugatti aproveitou para recordar o último ano, que considerou ter sido pleno de sucesso. Algo comprovado pelo grande interesse dos clientes relativamente ao Chiron, com 76 unidades entregues em 2018, e também ao ‘Divo’, que esgotou logo no momento de apresentação e vai chegar às linhas de produção durante este ano.

 

Veja também:

Travão do Bugatti Chiron testado ao limite
Divo: Menos velocidade e mais rapidez para o Chiron
O recall da Bugatti a todos os Chiron nos Estados Unidos…
A Bugatti consegue monitorizar o Chiron em qualquer local do planeta