Publicidade

Bugatti aproveitou. Sabia que o Porsche 911 já envergou um motor quadriturbo?

Texto: Francisco Cruz
Data: 13 de Maio, 2024

Hoje em dia tecnologia emblemática em marcas como a Bugatti, a aplicação de quatro turbocompressores num motor de combustão foi algo que a Porsche também chegou a experimentar. Mais precisamente, num 911… ainda que com resultados não totalmente satisfatórios para a marca de Zuffenhausen.

A revelação foi feita pelo Director do Projecto E-Fuel na Porsche, Marcos Marques, que, em declarações à publicação digital britânica ‘Intercooler’, garantiu, inclusivamente, que a tecnologia de quatro turbos sequenciais utilizada no Bugatti Veyron, foi originalmente desenvolvida pela Porsche!

Segundo o mesmo responsável, a tecnologia quadriturbo começou a ser considerada para aplicação na anterior geração do Porsche 911 (991), que se manteve em comercialização até 2019, altura em que o chegou o atual 992.

O Porsche 911 geração 991
O Porsche 911 geração 991

No entanto, a Porsche ter-se-á deparado com um problema de acomodação dos quatro turbos, os quais, embora pequenos, ficavam demasiado expostos na traseira do 911. O que, inclusivamente, torná-los-ia vulneráveis a qualquer embate mais forte na traseira do carro.

“A verdade é que estivemos muito perto de utilizar essa tecnologia no 911 Turbo, até porque, globalmente, funcionava muito bem”, recorda Marcos Marques, garantindo que a tecnologia “não só garantia muita potência, a partir de um seis cilindros 3,0 litros em linha, como também assegurava um elevado binário, uma vez que os turbos funcionavam de forma sequencial. O que permitia uma elevada resposta durante a maior parte das rotações”.

LEIA TAMBÉM
GT2 RS Hybrid. Porsche prepara o mais potente e rápido 911 de sempre

Assim e ainda segundo o mesmo responsável, “foi, realmente, uma pena [a não utilização], uma vez que produziu alguns bons resultados”.