O Porsche Cayenne mais potente é um PHEV

Texto: Filipe Bragança
Data: 20 Agosto, 2019

O topo da gama Cayenne oferece 680 cavalos e uma autonomia eléctrica até 37 quilómetros.

A Porsche mantém a aposta na mobilidade eléctrica, oferecendo um híbrido ‘plug-in’ no topo da gama, à imagem da linha Panamera. O novos Porsche Cayenne Turbo S E-Hybrid, na sua configuração convencional e coupe, extraem das diferentes motorizações (a combustão e eléctricas) uma potência combinada de 680 cv (500 kW) e um binário máximo de 900 Nm. Ao motor 4.0 l V8 de 550 cv, integram-se dois motores eléctricos que oferecem mais 136 cv a esta equação. Ambos foram acoplados à transmissão automática de oito velocidades Tiptrocnic. A aceleração dos 0-100 km/h é feita em 3,8 s e a velocidade máxima ficou fixada nos 295 km/h.

Em modo puramente eléctrico, estes novos Cayenne são capazes de percorrer 32 quilómetros. Os consumos em regime médio (WLTP) são de 4,8 l/100. A esta nova gama híbrida junta-se ainda o Porsche Cayenne E-Hybrid Coupé, com uma potência combinada de 462 cv e uma autonomia eléctrica até 37 quilómetros.

No modo de condução 100% eléctrico, E-Power, o motor eléctrico pode, por si só, propulsionar o veículo até uma velocidade máxima de 135 km/h. Para além deste modo de condução, os motores eléctricos podem ser utilizados em conjunto com o motor térmico, com o intuito de melhorar os rendimentos ou a performance. Esta gestão é feita a partir do Pacote Sport Chrono (Hybrid Auto, Sport e Sport Plus), disponível de série.

Recarregar baterias

A bateria de iões de lítio que alimenta a motorização eléctrica tem uma capacidade de 14,1 kWh. Esta pode ser totalmente carregada em 2,4 horas, com o carregador de bordo de 7,2 kW, ligado a uma tomada de 400 V e 16 amperes. A partir de uma tomada doméstica, o carregamento total da bateria faz-se em seis horas. Para além destas opções, os clientes da Porsche podem ainda agendar carregamentos a partir do Porsche Communication Management (PCM) ou da app Porsche Connect (para smartphones e Apple Watch).

Mais equipamento de série

Como seria de esperar, a versão ‘S’ destes Porsche Cayenne Turbo E-Hybrid trazem consigo mais equipamento de série, do que a versão base. O equipamento de série incluí o sistema eléctrico de estabilização Porsche Dynamic Chassis Control (PDCC), bloqueio do diferencial traseiro Porsche Torque Vectoring Plus (PTV Plus), sistema de travagem de alta performance Porsche Ceramic Composite Brake (PCCB), jantes de 21”, Direcção assistida Plus e o Pacote Sport Chrono. Nota ainda para a suspensão pneumática adaptativa com três câmaras, que incluí a Porsche Active Suspension Management (PASM).

Preços

Todas as quatro versões híbridas do Porsche Cayenne já estão disponíveis por encomenda, com preços que começam nos 99.233€. A versão Turbo S E-Hybrid está disponível a partir de 184.452€ e o Cayenne Turbo S E-Hybrid Coupé começa nos 188.265€.

Veja também:

Porsche Taycan comprova autonomia… e performances
Tesla Model X descontrolado semeia o pânico
Jaguar “em guerra” com o dicionário
Mercedes anuncia preços para o novo GLB