Mobieco

Novo Honda e não vai ter espelhos retrovisores laterais

Texto: Filipe Bragança
Data: 28 Maio, 2019

Ao invés dos tradicionais espelhos laterais, o novo Honda e vai utilizar câmaras montadas nas portas.

A Honda acaba de confirmar a utilização das câmaras laterais, que já tinham sido apresentadas no protótipo do seu novo veículo eléctrico, o Honda e. Esta tecnologia será uma estreia neste segmento, e deverá ser a segunda a chegar ao mercado, após a comercialização das mesmas no novo Audi e-tron.

Em vez de utilizar o reflexo dos espelhos tradicionais, as imagens são projectadas num painel colocado no canto de cada uma das portas. Para além deste ser um passo na direcção do futuro da marca, a estética minimalista deste pequeno Honda também saí beneficiada. De acordo com dados da Honda, as vantagens não são puramente estéticas. A utilização destes espelhos reduzem o atrito em 90%, e garantem uma melhoria de 3% na aerodinâmica geral.

Em termos de segurança, estes espelhos apresentam algumas vantagens. A sua configuração permitem a escolha entre os modos ‘visão normal’ e ‘visão ampla’. Estes ampliam o campo de visão, ao mesmo tempo que  reduzem o ‘ângulo-morto’ em cerca de 10%, no modo de visão normal, e de aproximadamente 50%, com a visão ampla. Para além destas funcionalidades, outra vantagem é a sua utilização em marcha atrás, já que as orientações são exibidas nos ecrãs de visão laterais com um maior ângulo de visibilidade.

Muito importante na utilização destas câmaras, é o seu ajuste automático às condições de luminosidade. Através da realização de inúmeros testes, a marca japonesa garante que a imagem projectada no visor, será sempre melhor que aquela apresentada por um espelho convencional.

O Honda e representa o futuro da marca nipónica. Para já está garantido um veículo com autonomia superior a 200 km, com capacidade para receber carregamentos rápidos.

 

Veja também:

Já abriram as reservas para o eléctrico Honda E
Tabela dinâmica mostra evolução dos eléctricos na América (vídeo)
Carros a hidrogénio e híbridos com preços similares, prevê a Toyota
Citigo é o primeiro elétrico da Skoda
Carros a hidrogénio e híbridos com preços similares, prevê a Toyota

Partilhar