Publicidade

BMW divulga imagens do 3.0 CSL Hommage baseado no M4

Texto: Carlos Moura
Data: 29 de Junho, 2022

A BMW divulgou imagens do novo 3.0 CSL Hommage que é baseado no M4. Este veículo terá uma produção limitada a 50 unidades e um preço a condizer com as prestações.

A BMW divulgou algumas imagens do novo 3.0 CSL Hommage baseado no M4, que será lançado em breve. Correm rumores há mais de um ano acerca desta nova proposta, mas esta é a primeira vez que a marca de Munique mostra o veículo, através da conta de Instagram do próprio CEO da BMW M Franck van Meel.

O veículo ainda está camuflado com um revestimento em vinil e uma decoração que inclui uma mostra dos melhores carros BMW M produzidos nas últimas décadas.

Na parte frontal, os designers da BMW fizeram o impensável e reduziram o tamanho da enorme grelha de duplo rim do M4. Não só é mais pequena com a sua forma é mais refinada e conta com uma malha metálica em preto.

O pará-choques dianteiro também foi redesenhado e recebeu tomadas de ar circulares onde normalmente podem ser encontrados os faróis de nevoeiro.  

A secção traseira possui arcos das rodas alargados, aumentando, por conseguinte, a largura total do veículo. À semelhança do 3.0 CSL original, o novo modelo baseado no M4 tem um spoiler montado no tecto e também uma asa traseira fixa com aletas quase incorporadas nos arcos das rodas.

Motor com 600 cv?

As caraterísticas técnicas ainda não foram divulgadas, mas correm rumores que o novo modelo receberá a designação 3.0 CSL e estará equipado com uma versão “vitaminada” do motor de seis cilindros em linha biturbo de 3,0 litros do M4 com cerca de 600 cv. Ao contrário do recém-lançado M4 CSL será comercializado apenas com caixa manual de seis velocidades. 

LEIA TAMBÉM
Com produção e preço a condizer. BMW confirma novo ‘M’ ainda para 2022

A BMW deverá equipar o novo modelo com jantes forjadas de 20” à frente e 21” atrás, além de eliminar equipamentos como sensores de estacionamento, entrada sem chave (keyless entry) e bancos com regulação elétrica, o que significa que deverá ter os mesmos bancos desportivos do M4 CSL.

A produção deverá começar em novembro e será limitada a 50 unidades. Cada uma deverá custar cerca de 750 mil euros.