Publicidade

Depois do Japão. Suzuki apresenta o novo Swift para a Europa

Texto: Francisco Cruz
Data: 7 de Dezembro, 2023

Desvendado primeiramente no Japão, a Suzuki dá agora a conhecer a quarta geração do best-seller Swift, para a Europa. Evolução que se anuncia com novo design, melhores sistemas de segurança, além de um melhorado prazer de condução… mas ainda sem preços ou data de lançamento.

Introduzido como modelo global em 2004, data a partir da qual veio a ser vendido num total de 169 países, o que também contribuiu para o atingir das mais de 9 milhões de unidades vendidas até ao final de outubro de 2023, o Suzuki Swift apresenta-se, agora, naquela que é a sua quarta geração. A prometer uma evolução traduzida não apenas numa condução mais agradável, mas também num maior conforto, eficiência e segurança.

Assim e a par do design renovado, do qual fazem parte 13 combinações de cores (duas totalmente novas), além de nova grelha frontal em preto piano e grupos óticos redesenhados, com luzes diurnas em forma de L, a promessa de um interior mais espaçoso, confortável e ergonómico. Resultado, igualmente, de um painel de instrumentos mais envolvente, em dois tons e com detalhes em prata acetinada, assim como de um ecrã táctil HD de 9 polegadas.

LEIA TAMBÉM
Depois do concept. Suzuki apresenta o novo Swift… no Japão

A juntar ao sistema de infoentretenimento, a possibilidade de emparelhamento do smartphone via Apple CarPlay ou Android Auto, além do reconhecimento de voz e sistema Bluetooth. Tecnologias a que se juntam ainda as funcionalidades do Suzuki Connect.

No capítulo da segurança, a presença da assistência à travagem com sistema de travagem autónoma de emergência, assistente de manutenção na faixa de rodagem, monitorização do cansaço do condutor, Cruise Control adaptativo, reconhecimento de sinais de trânsito, detecção de ângulo morto, alerta de tráfego posterior e sistema de chamada de emergência eCall.

Um só motor… híbrido

Passando às motorizações, uma só opção, traduzida num novo motor 1,2 litros de três cilindros com tecnologia Mild Hybrid 12V SHVS, a prometer melhorias em todos os aspectos, desde a economia de combustível e emissões reduzidas, até um maior binário quando a baixa velocidade.

De resto e igualmente em destaque, a presença do sistema eletrificado Smart Hybrid Vehicle (SHVS) da Suzuki, o qual aproveita a energia cinética gerada durante a desaceleração, para carregar a bateria de iões de lítio. Cuja energia é, a partir daí, utilizada no apoio à aceleração, de forma a suavizar o gasto de gasolina.

Como opcional, o novo Suzuki Swift pode beneficiar ainda de sistema de tração 4×4 AllGrip Auto.

Ainda sem data de chegada

Finalmente e ainda sem data de lançamento na Europa, a quarta geração do pequeno utilitário japonês da Suzuki também não dispõe ainda de preços para os mercados do Velho Continente. Resta esperar…