Publicidade

Em apenas nove anos. Lamborghini celebra fabrico do Aventador 10 000

Texto: Redação
Data: 10 de Setembro, 2020

Fabricante de automóveis desportivos de nicho, a Lamborghini acaba de alcançar uma marca histórica, ao produzir a unidade 10 000 do seu modelo Aventador. E, isto, em apenas nove anos.

O Lamborghini Aventador V12 com o chassis número 10 000 é uma versão SVJ Roadster na cor Grigio Acheso (Cinzento), com decoração Rosso Mimir (Vermelho), e um interior Ad Personam (personalizado) em Rosso Alala (Vermelho) e preto.

Este Lamborghini tem como destino o mercado tailandês, revela a marca de Sant’Agata Bolognese, em comunicado.

Recorde-se que o Aventador foi apresentado, pela primeira vez, em 2011, numa versão coupé, denominada Aventador LP 700-4.

LEIA TAMBÉM
Abram alas! Sián Roadster é o Lamborghini mais potente de sempre

Recorrendo a uma inovadora monocoque em fibra de carbono, a qual combina o cockpit, o piso e o tejadilho do veículo numa única estrutura, o Aventador estreou igualmente um novo V12 de 700 cv às 8250 rpm, capaz de garantir uma aceleração dos 0 aos 100 km/h em apenas 2,9 segundos, assim como uma velocidade máxima de 350 km/h.

A juntar a estas soluções, uma transmissão robotizada ISR a garantir passagens de caixa mais rápidas, suspensões do tipo “push rod”, sem esquecer as emblemáticas portas de abertura vertical, semelhantes às do lendário Countach e dos modelos V12 que se lhe seguiram.

O Lamborghini Aventador J
O Lamborghini Aventador J

Entretanto, apenas um ano depois, em novembro de 2012, a Lamborghini deu a conhecer a versão Roadster do Aventador, isto já depois de mostrar, no Salão de Genebra desse mesmo ano, o Aventador J, um superdesportivo “aberto”, sem tejadilho ou pára-brisas. E, ainda assim, homologado para estrada.

Já em 2016, a Lamborghini deu a conhecer o Aventador Miura Homage, uma série especial de tributo ao Miura, o antecessor dos superdesportivos com motor V12 da Lamborghini, no ano do seu 50º aniversário, sendo que, ainda nesse mesmo ano, foi apresentado o Lamborghini Aventador S, marcado por um novo design aerodinâmico, uma suspensão redesenhada, mais potência e uma dinâmica de condução reformulada.

O Aventador Miura Homage
O Aventador Miura Homage

De resto e porque o ‘S’ é, na marca italiana, sinónimo de versão melhorada de modelos já existentes, o Aventador S montava, ainda, um motor aspirado de 12 cilindros e 6,5 litros, com mais 40 cv de potência, debitando uma potência máxima de 740 cv. A que se juntava, ainda, um novo modo de condução EGO, que permite ao condutor escolher entre vários perfis adicionais de configuração, personalizáveis em aspectos como a tração, a direção e a suspensão, dentro do leque de ajustes STRADA, SPORT e CORSA.

Dois anos após o ‘S’, em 2018, foi introduzido o Aventador SVJ, siglas que, na Lamborghini, têm como significado Superveloce e Jota, sendo que, esta última, é aplicada numa proposta com desempenho superior em circuito. Algo que o modelo fez questão de comprovar, ao conquistar o título de veículo de produção em série mais rápido no famoso circuito germânico do Nürburgring-Nordschleife, ao percorrer os 20,6 quilómetros do traçado em apenas 6m44s97.

O Lamborghini Aventador S by Skyler Grey
O Lamborghini Aventador S by Skyler Grey

Finalmente, em 2019, a Lamborghini deu a conhecer um modelo único, o Aventador S by Skyler Grey, veículo que procura ser uma fusão entre dois conceitos de arte: a arte automóvel da marca de Sant’Agata Bolognese, e a arte urbana do artista norte-americano Skyler Grey.