Publicidade

Ainda em desenvolvimento. Bugatti Chiron Super Sport já chega aos 440 km/h!

Texto: Francisco Cruz
Data: 26 de Junho, 2021

A entrar na fase final de desenvolvimento, o Bugatti Chiron Super Sport começa, agora, a ser submetido aos testes de velocidade, em recinto fechado, visando a concretização, também neste domínio, das promessas feitas aos futuros proprietários. Sendo que, as expectativas não podiam estar mais altas, depois do último dos Chiron ter já batido os 440 km/h!

Descrito, também, como uma versão mais luxuosa do Chiron Super Sport 300+ que fixou, ainda em 2019, um novo recorde do mundo de velocidade, ao atingir os 490,48 km/h, o novo Super Sport tem vindo a ser submetido a intensos testes, também de velocidade, com a marca de Molsheim a levar a observação até ao limite.

Entre as medidas tomadas pela Bugatti, está a utilização de mais 100 sensores adicionais, como forma de obter e gravar dados imprescindíveis no desenvolvimento do veículo, como é caso da temperatura e da pressão do ar.

Recorde-se que, a exemplo do recordista mundial de velocidade Super Sport 300+, o novo Super Sport dispõe do mesmo W16 8.0 litros a gasolina, quadriturbo, a anunciar 1.600 cv de potência e 1.600 Nm de binário. Embora com o modelo mais recente a receber alterações na transmissão, neste caso, a garantir que o condutor não necessita de engrenar a sétima velocidade, pelo menos, até à marca dos 403 km/h.

LEIA TAMBÉM
Bugatti bate recorde mundial de velocidade

“Depois dos testes bem-sucedidos, em estrada, com velocidades até 380 km/h, estamos, agora, a refinar a condução do veículo a velocidades até 440 km/h, de forma a que o Chiron Super Sport actue sempre com a máxima segurança, mesmo, quando a velocidades particularmente elevadas, como esta. Oferecendo, ao mesmo tempo, uma óptima sensação de condução, ao condutor”, revelou, num comunicado recente, o responsável máximo pelo desenvolvimento dos chassis da Bugatti, Jachin Schwalbe.

Referir, ainda, que, tal como o 300+, também o novo Super Sport conta com um trabalho intensivo na carroçaria, não abdicando, por exemplo, de uma traseira mais prolongada, uma secção frontal com um novo splitter e saídas de ar circulares [foto abaixo] nos pára-lamas dianteiros. Sem esquecer as jantes com pneus feitos à medida.

Apenas 60… a 3,2 milhões cada

A terminar, recordar, apenas, que a Bugatti tem previsto produzir 60 unidades deste novo Chiron Super Sport, ou seja, o dobro daquilo que anunciou ir fabricar do recordista mundial Super Sport 300+.

De resto, diferenças também no preço… ainda que não tão grandes – enquanto o 300+ deverá começar nos 3,5 milhões de euros, o Super Sport fica-se pelos 3,2 milhões. Coisa pouca…