Publicidade

Já nas bancas. Turbo de novembro é a revolução mini


Data: 20 de Outubro, 2022

Com o fim do ano a aproximar-se a passos largos, já está nas bancas a sua revista TURBO de novembro, a anunciar uma “mini-revolução”, embora com impacto “maxi”. Não acredita? Corra para as bancas, compre a sua revista TURBO, e verá!…

Numa edição com várias novidades compactas, mais do que pequenas, decidimos trazer à capa aquela que será a próxima geração do Mini mais vendido nos dias de hoje: o Countryman. Sucessor que nascerá já não na Europa, mas na China, a partir de 2024, e já não com aquela postura… “maxi”.

Concorrente directo, tanto do atual, como do futuro Countryman, promete ser o novo Smart #1. Modelo que, a caminhar em sentido contrário ao do rival “britânico”, embora também ele, hoje em dia, proveniente do Império do Meio, tivemos oportunidade de descobrir, ao volante, em estradas que ligam o triângulo Lisboa-Cascais-Sintra. Onde, de resto, também participámos num verdadeiro encontro entre o Presente e o Passado, ao volante de dois emblemáticos Aston Martin: o International Sports Tourer e o Vantage V8.

Contudo e porque o mundo (automóvel) não se faz apenas de carros mini, fomos até aos EUA conhecer, em primeira mão, uma proposta verdadeiramente “maxi”: o novo GMC Hummer EV Pick-Up. Uma experiência chocante, e não apenas pelo facto de ser o primeiro modelo, exclusivamente elétrico, da famosa marca norte-americana.

De regresso à Europa, a continuação em modo EV, agora para conhecer aquele que será, muito provavelmente, o melhor dos EQ dados a conhecer até hoje – o Mercedes EQS SUV 450+. Mas também o mais potente dos elétricos do rival de Munique, o BMW iX M60, mais os seus 619 cv de potência.

No entanto e porque, pelo menos já, foi impossível colocar frente-a-frente estes dois excelentes exemplares daquilo que é e deve ser uma proposta 100% elétrica, decidimos agarrar em outros dois EV, não menos referenciais, e promover um tête-à-tête, tão ou mais emocionante: Mercedes-AMG EQE 43 4MATIC vs. Audi e-tron GT quattro. Sendo que o confronto, como não poderia deixar de ser, acabou dando faísca…

Já a fechar a edição e depois de cumpridos muitos outros ensaios, contactos e matérias que, temos a certeza, vai gostar de ler, tempo, ainda, para recordar uma viagem além-fronteiras, em companhia nórdica, por aquele que é vulgarmente apontado como o berço da civilização ocidental, mas também uma viagem ao passado, ao volante do Renault Reinastella – um veículo que, nos anos 20 do século passado, rivalizava com propostas de construtores verdadeiramente exclusivos, como a Hispano-Suiza, a Rolls-Royce ou a Isotta Fraschini.

Curioso? A TURBO de novembro já está à sua espera!…