Toyota Land Cruiser 70

Publicidade

A não ser que… Toyota Land Cruiser já não tem V8

Texto: Francisco Cruz
Data: 9 de Julho, 2024

Em comercialização há cerca de 40 anos, ainda que apenas em mercados seleccionados como a Austrália, a eterna Série 70 do Toyota Land Cruiser despede-se, agora, do seu já vetusto V8 turbodiesel. Mas não da quase tão veterana caixa manual de cinco velocidades…

A explicação para esta decisão foi dada pela divisão Down Under da Toyota Austrália, citando “alterações nos regulamentos e nas expectativas da comunidade” para deixar de comercializar o V8 4,5 litros a gasóleo. Mas não um modelo que, não fosse o enorme interesse dos consumidores, até já era para ter acabado.

A pickup Land Cruiser V8
A pickup Land Cruiser V8

Mas e porque a lista de encomendas para este modelo, com bloco V8, continua com muitos pedidos ainda por satisfazer, o fabricante promete que a produção continuará, até que todos os clientes recebam a sua unidade. Ainda que com a garantia de que a espera se prolongará por mais 3 a 6 meses, não sendo também admitida a recepção de mais encomendas.

Segundo a Toyota Austrália, as primeiras versões V8 a deixar a linha de produção serão a pickup de quatro portas e o Troop Carrier de duas, já em setembro de 2024, até por se tratarem, tecnicamente, de SUVs. 

LEIA TAMBÉM
Lembra-se do Toyota Land Cruiser Série 70? Já acabou… mas ainda é vendido!

Também nessa altura deverão desaparecer as pick-ups de cabina simples e dupla, com o nível de equipamento GX, sendo que o objectivo da Toyota é entregar as últimas unidades até ao final do ano.

Finalmente e no caso das pick-ups com nível de equipamento GLX, as previsões são de que continuem a ser fabricadas até ao fim de 2025, com as últimas unidades a serem enviadas para os respectivos proprietários, em princípio, durante o quarto trimestre desse mesmo ano.

Sem V8… mas com caixa manual

Dizer, ainda, que, embora o V8 esteja de saída, a opção da caixa manual de cinco velocidades é para continuar, passando a ser disponibilizada com um outro turbodiesel de 2,8 litros. Neste caso, a oferecer 204 cv de potência e 450 Nm de binário.

A Toyota Land Cruiser LC70 com cabine de quatro portas
A Toyota Land Cruiser LC70 com cabine de quatro portas

Referir, ainda, que esta transmissão exibirá uma configuração diferente nas relações, com as três primeiras velocidades a mostrarem-se mais curtas, como forma de melhorar a aceleração, enquanto a quinta será mais longa, com o objectivo de assegurar consumos mais baixos, além de um funcionamento mais silencioso. Especialmente, quando a velocidades mais elevadas.

Um sucesso em várias latitudes

Recorde-se que, embora muito popular no continente, a Austrália não é o único país onde a Toyota ainda vende a Série 70 do Land Cruiser, lançada originalmente em 1984.

Pelo contrário, o modelo foi, inclusivamente, reintroduzido no Japão, no final de 2023, ao mesmo tempo que continua a ser vendido nos Emirados Árabes Unidos (EAU), onde está disponível com um V6, nas versões de carroçaria SUV, com três e cinco portas.

A Toyota Land Cruiser LC70 comercializada nos EAU
A Toyota Land Cruiser LC70 comercializada nos EAU

Ainda assim, importa também dizer que, embora em comercialização há cerca de quatro dezenas de anos, o LC70 é, hoje em dia, uma proposta bastante melhor e mais moderna que a versão original. Contando já com tecnologias como é o caso de um ecrã táctil de 6,7” com Android Auto e Apple CarPlay, sistema de accionamento de máximos, leitura de sinais de velocidades e até aviso de transposição da faixa de rodagem.

Já as versões de caixa automática desta Toyota, dispõem, inclusivamente, de sistema de ajuda à descida em declives.