Publicidade

Estivemos lá. Com o Porsche 911 GTS a acelerar no PEC de Franciacorta

Texto: Ricardo Machado
Data: 26 de Setembro, 2021

Melhor do que conhecer a mais recente versão do Porsche 911 GTS num circuito é conhecê-la no mais recente Porsche Experience Center (PEC). Foi o que fizemos em Franciacorta seis dias depois da inauguração oficial do oitavo PEC.

Conhecida pela qualidade dos vinhos, esta região do norte de Itália oferece um novo atrativo aos apreciadores de adrenalina. Graças à abertura daquele que é o oitavo Porsche Experience Center, ou PEC.

Para começar a ganhar balanço é possível levantar os Porsche 911 GTS novas na área de apoio ao cliente ou almoçar no restaurante panorâmico, com vistas sobre todo o complexo.

Porsche Experience Center de Franciacorta

Pista de testes

Depois, em função do modelo, é possível avançar para uma pista de todo o terreno ou para o circuito principal. Este desenvolve-se ao longo de dois quilómetros e meio, plenos de curvas e chicanes.

Há também uma pista de handling ideal para aperfeiçoar o controlo da viatura sobre o betão polido.

Pista de handling do Porsche Experience Center de Franciacorta
Porque nem todas as pistas servem para tirar tempos

Foi neste cenário técnico que tomámos conhecimento com o novo Porsche 911 GTS. Continua a ser “O” Porsche e a compensar os dois anos que levou a chegar à geração 992 do Carrera.

Para que não restem dúvidas, traz a suspensão e os travões do 911 Turbo, aumenta a potência para os 480 cv e completa o embrulho com acabamentos específicos.

Apesar da atitude continua a não ameaçar as prestações do 911 GT3 em pista.

Painel de instrumentos do Porsche 911 GTS
Painel de instrumentos do Porsche 911 GTS

Sempre de lado

Relativamente pequeno e muito técnico, o traçado do PEC de Franciacorta está mais vocacionado para o aperfeiçoamento das competências de condução do que para corridas. Perfeito para testar a agilidade do Porsche 911 GTS.

Bancos do Porsche 911 GTS
Bancos do Porsche 911 GTS

Nos circuitos conduz-se atrás do melhor tempo… a não ser que nos digam para testar as capacidades dinâmicas do Porsche 911 GTS. Como quem diz: trocar a volta mais rápida pela nota artística.

Três carroçarias

Não foi preciso insistir. Até porque o Porsche 911 GTS é muito fácil de interpretar. A frente vai para onde o volante a orienta seguida por uma traseira que se mexe ao ritmo do acelerador.

Sentir o Porsche 911 Carrera GTS na PEC de Franciacorta
A nova PEC de Franciacorte é uma excelente escolha para sentir o Porsche 911 Carrera GTS

Disponível para as três carroçarias – Coupé (175 927 €), Cabriolet (191 730 €) e Targa (200 370 €) –, com tração traseira ou integral, a versão GTS representa um acréscimo de preço na ordem dos 38 mil euros face ao modelo base equivalente.