Toyota Hilux NG2020

Publicidade

Nova Toyota Hilux chega a Portugal na primavera de 2021

Texto: Carlos Moura
Data: 4 de Junho, 2020

A pick-up da Toyota foi renovada e além de um novo design exterior passa a oferecer uma nova motorização diesel de 2,8 litros com 204 cv. O topo de gama deste modelo será a versão “Invincible”, com um estilo mais sofisticado.

Após as impressões de condução do piloto espanhol Fernando Alonso com a nova Hilux, a Toyota revelou oficialmente a nova geração da sua icónica pick-up, que vai chegar ao mercado nacional no primeiro trimestre de 2021.

A nova Hilux distingue-se do modelo atual pelo nova grelha frontal totalmente redesenhada, agora mais tridimensional, que se encontra integrada no pára-choques dianteiro, sublinhando a sensação de robustez, potência e resistência deste modelo.

Segundo refere a Toyota em comunicado, o novo design dianteiro “aumenta de forma significativa a presença em estrada, e reforça as suas credenciais de robustez”.

Vista superior da nova Toyota Hilux

O estilo exterior incorpora novos conjuntos de luzes dianteiras e traseiras em LED, assim como um novo design e acabamento maquinado das jantes de liga leve de 18”, passando ainda a estar disponível a nova cor exterior Bronze Oxide.

Interior também revisto

O habitáculo da pick-up da Toyota foi igualmente revisto, destacando-se um novo grafismo da informação apresentada ao condutor no ecrã TFT, localizado atrás do volante. As versões de lazer recebem um novo sistema multimedia com um ecrã tátil de oito polegadas.

Localizado na consola central, aquele sistema inclui alguns botões físicos para melhorar a operacionalidade em todas as condições de terreno e também oferece a integração com os sistemas Apple CarPlay e Android Auto.

Toyota Hilux: painel de bordo e caixa automática

A nova Hilux irá disponibilizar uma ampla gama de acessórios para permitir a sua adaptação às necessidades dos clientes de trabalho ou lazer. Entre os acessórios destacam-se o novo roll-bar desportivo, a cobertura elétrica em alumínio da caixa de carga, o novo hardtop ou a unidade de abastecimento de energia (12V) na caixa de carga.

Novo motor diesel de 204 cv

Face a alguns concorrentes, a oferta mecânica da Hilux apresentava algumas limitações em termos de potência do motor. Essa lacuna foi ultrapassada com a introdução de um novo bloco diesel de 2,8 litros, que desenvolve uma potência máxima de 204 cv e um binário de 500 Nm.

Isto permite à nova Hilux acelerar dos 0 aos 100 km/h em apenas 10,0 segundos, isto é, menos 2,8 segundos do que a unidade de 2,4 litros com 150 cv. O consumo médio anunciado pela marca é de 7,8 l/100 km, em ciclo NEDC, ainda em processo de homologação final.

LEIA TAMBÉM
Mitsubishi L200. Sexta geração apresentada em Portugal

O novo motor diesel de 2,8 litros estará disponível nas versões 4×4 de cabina dupla da “Tracker” e “Invincible”, podendo ser associado a uma transmissão manual de seis velocidades ou automática com igual número de relações.

Suspensão revista

O conforto e a dinâmica também mereceu uma atenção especial dos engenheiros da marca japonesa, que se traduziram em melhorias nos sistemas de suspensão e direção hidráulica.

A suspensão possui um novo ajuste dos amortecedores dianteiros e traseiros, um design aprimorado das molas e novas buchas para combinar uma condução mais suave com impacto reduzido em estradas mais degradadas.

Será de referir que capacidade de carga útil de uma tonelada e a capacidade de reboque de 3,5 toneladas foram alargadas a todas as versões da Hilux com tração às quatro rodas: cabina simples, cabina extra e cabina dupla.

As versões de tração traseira (4×2) passam a contar com uma nova função eletrónica que reproduz o efeito de um diferencial autoblocante (LSD), com redução da rotação do motor em marcha lenta de 850 rpm para 650 rpm e uma resposta ajustada do acelerador para um maior controlo do condutor.

“Invincible” é o topo de gama

A versão “Invincible” vai ser o topo de gama da nova Hilux, mas apenas na variante de cabina dupla. Entre os detalhes exclusivos incluem-se a proteção frontal e traseira, os degraus laterais, as jantes de liga leve de 18 polegadas, o roll-bar e os puxadores das portas na cor preta.

O habitáculo também se carateriza por oferecer um grafismo específico do TFT, uma chave inteligente, ao que se juntam detalhes em preto metálico e acabamento cromado. A Hilux “Invincible” também oferece iluminação em azul claro nas portas dianteiras e traseiras e bancos em pele de dois tons.

A extensa lista de equipamentos inclui o sistema de navegação, ar condicionado automático, sensores de estacionamento dianteiro e traseiro e um sistema de som JBL Premium de 9 altifalantes que incorpora um amplificador de 800 W de 8 canais e a tecnologia CLARi-Fi.

A nova Toyota Hilux vai começar a ser comercializada ainda este na na Europa Oriental e deverá ser lançada no mercado nacional no primeiro trimestre de 2021.

A Hilux, recorde-se, tem sido líder de vendas em Portugal desde 2013. No ano passado, alcançou uma taxa de penetração de 30,8% no segmento das pick-up, tornando-se líder de vendas pelo sétimo ano consecutivo.