Publicidade

MTX Tatra V8. Conheça o desconhecido superdesportivo da República Checa

Texto: Carlos Moura
Data: 20 de Fevereiro, 2024

A Metalex e a Tatra criaram um superdesportivo na República Checa com motor V8 que ficou injustamente esquecido. Era o MTX Tatra V8 que surgiu em 1991, mas que quase ninguém ouviu falar.

Na indústria automóvel, a República Checa é conhecida pelas marcas Skoda e Tatra. Enquanto uma é detida atualmente pelo Volkswagen Group, a segunda notabilizou-se pelos camiões, designadamente aqueles que participaram em várias edições do Dakar e se sagraram vencedores na categoria.

Contudo, a Tatra é um dos fabricantes mais antigos do mundo. A empresa foi fundada em 1850 e começou por se dedicar ao fabrico de carruagens de cavalos. Em 1891 foi produzida a primeira carruagem de comboio e em 1897 foi desenhado o primeiro automóvel, designado Tatra Präsident.

Em 1936 surgiu o Tatra T97, uma berlina com motor boxer de quatro cilindros refrigerado a ar que estava localizado na parte traseira. Este modelo serviu de inspiração para Ferdinand Porsche criar o emblemático Carocha.

Motor de 306 cv

Em 1991, a Tatra associou-se à Metalex, uma empresa checa especializa no fabrico de monolugares de competição desde 1969, para darem vida ao MTX Tatra V8.

A contribuição da Tatra para este projeto consistiu na disponibilização de um motor V8 de 3,9 litros, arrefecido a ar, que desenvolvia uns respeitáveis 306 cv e estava acoplado a uma caixa manual de cinco velocidades. Pode não parecer muito, mas graças ao trabalho de desenvolvimento da Metalex no capítulo técnico, o MTX Tatra V8 conseguia acelerar dos 0 aos 100 km/h em 5,7 segundos e atingir uma velocidade máxima de 240 km/h.

LEIA TAMBÉM
Há 40 anos a Skoda vencia o Rali de Monte Carlo

O designer checo Václav Král foi o responsável pela estilo do MTX Tatra V8, que apresentava formas arredondadas, portas que abriam para cima, faróis escamoteáveis e um habitáculo avançado. Os farolins traseiros faziam lembrar o Mercedes-Benz SL500.

Apresentado no Salão de Praga

O MTX Tatra V8 foi revelado no Salão Automóvel de Praga em outubro de 1991 e suscitou um elevado interesse, que se materializou em 200 encomendas. Contudo, a capacidade de produção era claramente insuficiente para satisfazer a procura num espaço de tempo tão curto. Por esse motivo, a MTX decidiu fazer uma primeira série de 100 unidades.

Todavia, apenas cinco viram a luz do dia. Nas primeiras etapas de produção, a fábrica da MTX foi consumida por um grande incêndio e os principais equipamentos ficaram destruídos, inviabilizando a continuação da montagem.

Os cinco exemplares estão distribuídos por todo o mundo e um deles terá estado em Itália, o qual teria uma maior distância entre-eixos e motor Porsche

Será de referir que este primeiro e desconhecido superdesportivo da República Checa apareceu, pela sua singularidade, no início de um videoclip musical de 34 minutos da canção “Runaway” do cantor Kayne West.