Publicidade

Mas só em 2023. Novo Mitsubishi Colt está de regresso à Europa

Texto: Carlos Moura
Data: 5 de Abril, 2022

A Mitsubishi está de regresso ao segmento B na Europa com a nova geração do Colt que entra em comercialização no outono de 2023. O novo modelo vai utilizar a conhecida plataforma CMF-B da Aliança e contará com uma versão híbrida.

Modelo de referência da Mitsubishi Motors no segmento B, o Colt vai regressar à Europa no outono de 2023, após um interregno da marca de quase dez anos nesta classe de automóveis.

Baseado na plataforma CMF-B, da Aliança Renault-Mitsubishi-Nissan, a nova geração do Colt terá uma carroçaria hatchback de cinco portas e contará com as mais recentes motorizações e tecnologias, incluindo uma versão híbrida (HEV).

O novo Mitsubishi Colt irá ser produzido na fábrica da Renault em Bursa, na Turquia e, em conjunto com o Space Star, o recém-anunciado ASX e do Eclipse Cross PHEV, vem reforçar a oferta da marca nos principais segmentos europeus.

O novo Mitsubishi Colt vai ter um posicionamento acima do Space Star

Assim, a gama de automóveis de passageiros da marca será constituída por hatchbacks e SUV, incluindo sistemas de propulsão eletrificados.

Tradição interrompida e retomada

O Colt, recorde-se, surgiu originalmente em 1962 e na sequência do lançamento de várias gerações (sobretudo compactos) tornou-se num dos modelos mais conhecidos da Mitsubishi em todo o mundo. A última geração, também fabricada na Europa, registou vendas acumuladas nesta região de 400 mil unidades entre 2004 e 2014.

LEIA TAMBÉM
À venda desde 2010. Mitsubishi confirma sucessor do ASX já para 2023

“A introdução do novo Colt hatchback e do novo ASX, que irão juntar-se ao Space Star e ao Eclipse Cross PHEV irão reforçar significativamente a nossa oferta a partir de 2023”, afirmou Frank Krol, Presidente e CEO da Mitsubishi Motors Europe.

“A Mitsubishi Motors tem um longo historial no segmento B, e a designação Colt é sinónimo disso mesmo. Em breve começaremos a escrever um novo capítulo na história do Colt e da Mitsubishi Motors na Europa”, sublinhou o responsável máximo da Mitsubishi Motors Europe.