Mercedes SLC despede-se com edição especial

Texto: Nuno Fatela
Data: 20 Fevereiro, 2019

O Mercedes SLC Final Edition surge com a mesma cor escolhida para o lançamento do roadster, há mais de duas décadas

A Mercedes anunciou o fim de linha para o Mercedes SLC mas optou por criar uma edição final repleta de simbolismo, para honrar a importância que o descapotável teve durante mais de 20 anos para a marca. Lançado em 1996, ainda como SLK, o roadster apresenta-se agora com a mesma cor com que espantou o mundo a meio da década de 90, com um intenso e chamativo amarelo que não deixa ninguém indiferente.

Anunciado a nível internacional com quatro motorizações, entre as quais o AMG SLC 43, as encomendas já abriram na Alemanha e as entregas neste país começam já no próximo mês. Mas provavelmente para Portugal os prazos e a oferta serão diferentes pois, por exemplo, em Espanha as encomendas só abrem em Abril e as entregas no Verão. No entanto, podemos avançar que o Mercedes SLC Final Edition foi anunciado para as versões SLC 180 (156cv e 250Nm), SLC 200 (184cv e 300Nm), SLC 300 (245cv e 370Nm) e ainda o AMG SLC 43 (390cv e 520Nm). Neste caso, o roadster acelera até aos 100km/h em 4,7 segundos com a velocidade máxima limitada aos 250km/h.

As principais novidades desta versão final estão na estética do modelo. A começar pela possibilidade de encontrar o Mercedes SLC Final Edition em Amarelo “Sun”, em homenagem ao original que se apresentou em 1996 com o Amarelo Yellowstone. Neste caso o roadster surge com acabamentos a preto para os retrovisores, puxadores das portas e na parte inferior do para-choques. Caso o condutor opte antes pelo SLC a negro, estes detalhes no para-choques surgem em cinzento cromado. De referir que, no caso do AMG SLC 43 de 390cv apenas se pode optar pela pintura amarela. Mas, para a opção mais desportiva da gama, pode-se ver um acabamento negro de alto brilho para locais como o splitter dianteiro, lâminas das entradas de ar, embelezamento na retaguarda, retrovisores e puxadores das portas.

A bordo a Mercedes escolheu uma combinação entre duas cores, podendo-se observar nas portas ou nos bancos este “jogo” entre o preto e o cinzento. De referir ainda a inclusão de um acabamento a simular a fibra de carbono para o couro cinzento de diversos elementos do habitáculo. O Mercedes SLC Final Edition ganha ainda mais equipamento de série, onde se inclui o AirScarf e os bancos com climatização, função memória e ainda com apoio lombar de quatro vias. No caso do AMG SLC 43 temos ainda equipamentos específicos como o volante AMG Performance para garantir um feeling ainda mais desportivo.

 

Leia também o nosso “Especial Descapotáveis” em que o Mercedes SLC se juntou aos Mini Cabrio e RR Evoque Cabrio

Partilhar