Publicidade

Ano recorde para a Isuzu D-Max na Europa

Texto: Carlos Moura
Data: 5 de Fevereiro, 2024

A Isuzu D-Max registou um recorde de vendas no mercado europeu em 2023 e Portugal não foi exceção, tendo mesmo alcançado um crescimento ainda mais significativo de 61% face à média europeia de 18,8%.  

Ao registar um total de 19 143 unidades comercializadas na Europa em 2023, a Isuzu D-Max bateu um novo recorde de vendas. Face ao ano de 2022, o crescimento foi de 18,8%. 

Assim, mais de duas décadas após a introdução da primeira geração, a D-Max alcançou o seu melhor ano de sempre, beneficiando do abandono de marcas líderes no segmento como a Nissan e a Mitsubishi. Como ainda existe procura para este tipo de viaturas para atividades profissionais e de lazer, a pick-up da Isuzu conseguiu preencher o espaço deixado vago pela concorrência, capitalizando as qualidades comprovadas de robustez e fiabilidade que têm contribuído para o seu sucesso.

O crescimento foi ainda mais expressivo no mercado português, com um aumento de 61% face a 2022, para 636 unidades, tendo terminado o ano no segundo lugar no segmento, com uma taxa de penetração de 25%, só perdendo para a histórica Toyota Hilux.

“Estes resultados são uma prova do inestimável capital de confiança que o mercado tem depositado ao longo dos anos na marca e nos seus produtos”, refere Luís Esteves, diretor da Isuzu Portugal.

“A resiliência da cadeia logística da Isuzu, fator de enorme preponderância no segmento profissional, bem como os níveis de excelência no serviço ao cliente assegurados pela nossa ampla rede de concessionários, são elementos diferenciadores que têm contribuído decisivamente para este caminho bem-sucedido,” explica o responsável.

Elevada resistência

A Isuzu D-Max combina uma elevada robustez e fiabilidade, tornando esta pick-up numa solução adequada para qualquer atividade de trabalho ou lazer. Além disso, conta com uma estética moderna e apelativa.

A pick-up da Isuzu é proposta em várias opções de configuração, estando disponível nas versões de cabina simples, longa e dupla, com tração 4×2 ou 4×4. Em comum têm o facto de incluir um comprovado motor 1.9 litros turbodiesel common-rail, com 164 cv de potência e um binário máximo de 360 Nm, acoplado a uma caixa de seis velocidades e apto a cumprir as mais avançadas normas de emissões Euro 6d. 

Em termos de segurança destacam-se, a partir da versão base (Work), equipamentos como a assistência à travagem de emergência, controlo de estabilidade e de tração, luzes diurnas, sete airbags, controlo automático de descida e sistema de chamada de emergência “e-call”. 

Assistência à condução

A dotação de série inclui ar condicionado, sensores de luz e de chuva, retrovisores exteriores elétricos, programador de velocidade, entre outros elementos. 

As versões mais equipada recebem o sistema de assistência à condução que compreende funcionalidades como o travão de colisão frontal ou de emergência, o limitador inteligente de velocidade e reconhecimento de sinais de trânsito ou o aviso de saída de faixa de rodagem, componentes que contribuíram para a obtenção de 5 estrelas nos exigentes testes Euro NCAP