Publicidade

Grupo PSA regressa ao Quénia

Texto: Nuno Fatela
Data: 6 de Fevereiro, 2017

Após o Irão e a Índia, continua a ser implementado o projeto de expansão delineado por Carlos Tavares para o fabricante que detém a Peugeot, Citröen e DS.

 

Um dos pontos mais importantes da estratégia de revitalização do Grupo PSA “Push to Pass” é a expansão do consórcio a novos mercados, algo que tem vindo a ser progressivamente implementado sob a liderança de Carlos Tavares. Após o retorno ao Irão e à India, este último anunciado muito recentemente, agora foi a vez de ser anunciado que a PSA também vai voltar a produzir no Quénia. Com o fabrico a iniciar-se já em julho de 2017, primeiro com o Peugeot 508 e posteriormente também com o SUV 3008, a assinatura do acordo realizou-se a 3 de fevereiro, com a presença do Presidente queniano, Uhuru Kenyatta. O responsável máximo deste país comentou esta nova aposta do grupo gaulês e afirmou que “os veículos da PSA sempre foram resistentes, duradouros e fiáveis. Estamos muito orgulhosos que regressem ao nosso país”, recordando a presença do fabricante que detém a Peugeot, Citröen e DS nesta nação entre 1974 e 2002.