Fim da linha: Fiat Punto despede-se passados 25 anos

Texto: Miguel Policarpo
Data: 7 Agosto, 2018

É o fim do Fiat Punto, depois de 25 anos de existência deste popular modelo da marca transalpina, que conta com três gerações na sua história.

O mundo despede-se de um símbolo da Fiat, o compacto Punto. Lançado em 1993, o popular modelo substituiu o Uno (apesar da produção deste automóvel ter continuado em países como o Brasil) e foi um sucesso imediato – em 1995 conquistou o prémio de Carro do Ano na Europa. Volvido um quarto de século, o fabricante decidiu pôr termo à produção do modelo.

A primeira geração, produzida de 1993 até 1999, distinguia-se pelo design de autoria de Giorgetto Giugiaro. No pico de produção, a fábrica de Melfi chegou a desenvolver 3.500 unidades do modelo por dia. Seguiu-se a segunda geração, concebida ainda antes do início do novo século e até 2005. De 2005 até aos dias de hoje, a marca fabricou a terceira geração do compacto.

A fábrica de Melfi concentrará os seus trabalhos no Jeep Renegade e no Fiat 500X. Se o Fiat Punto terá um substituto direto é uma incógnita – para já, a marca não esclareceu esta questão. Para a história fica um popular modelo italiano, que se despediu no mesmo ano em que Sergio Marchionne desapareceu.

Leia também: Produção Fiat em Itália está em risco