Publicidade

Mais um one-off. Ferrari apresenta o coupé de dois lugares BR20

Texto: Francisco Cruz
Data: 12 de Novembro, 2021

A Ferrari acaba de dar a conhecer mais uma proposta de uma só unidade (one-off), batizada de BR20. E que, baseada no GTC4 Lusso, resulta num coupé de dois lugares, impulsionado por um V12 a debitar 689 cv de potência. Já com dono assegurado.

Ostentando linhas que vão buscar a inspiração aos coupés da Ferrari dos anos 50 e 60 do século passado, mas também com pormenores que acabam remetendo para o 410 Superamerica ou o 500 Superfast, o BR20 é mais recente proposta nascida no seio das séries One-Off da Ferrari e que já fazem parte da história da marca do Cavallino Rampante. Na sequência de um pedido de um cliente que, embora não o identicando, o fabricante diz ser “um dos mais fiéis clientes da marca”.

Sobre o modelo propriamente dito, a Ferrari revela que tem por base a mesma plataforma do grand tourer GTC4 Lusso, embora fortemente trabalhada. Nomeadamente, para permitir um veículo mais comprido, com uma traseira mais trabalhada e saliente, da qual faz inclusivamente parte um canal para passagem de ar, spoiler traseiro, além de escapes embutidos no difusor traseiro.

O novo one-off da Ferrarri - o BR20
O novo one-off da Ferrarri – o BR20

Já na frente, uma nova grelha com lâminas horizontais exclusivas e um elemento superior em fibra de carbono, semelhante à solução presente noutros one-off mais recentes. Sendo que, também os faróis foram trabalhados, adoptando luzes diurnas mais finas, ao passo que as jantes de 20 polegadas, ganharam acabamento em diamante e são exclusivas.

Banco traseiro dispensado

Passando ao habitáculo, a retirada dos bancos traseiros existentes no GTC4 Lusso, como forma de contribuir para fazer deste BR20 um coupé de apenas dois lugares e permitir, por exemplo, que exiba um perfil mais elegante e um estilo fastback.

LEIA TAMBÉM
Mais que um restauro. Eis o Ferrari Testarossa by Officine Fioravanti

De resto e ainda fruto da remoção dos bancos traseiros, a reformulação do interior, nomeadamente, com uma ampla aplicação de revestimentos em couro e fibra de carbono, enquanto os bancos dianteiros apresentam um padrão de costura exclusivo e a zona tradicionalmente ocupada pelos traseiros, exibe um acabamento em carvalho. O mesmo acabamento, de resto, da bagageira.

O Ferrari BR20 apresenta um habitáculo clássico e distinto
O Ferrari BR20 apresenta um habitáculo clássico e distinto

Quanto ao sistema de propulsão e uma vez que a Ferrari nada avança, o mais certo é que este BR20 mantenha o V12 6,2 litros a gasolina com 689 cv  de potência que equipa o GTC4 Lusso, conjugado com sistema de tracção integral.

Sem preço conhecido

A terminar, referir, ainda, o facto da Ferrari salientar que o futuro dono do modelo manteve-se “profundamente envolvido” na criação do carro, cujo preço a marca de Maranello também não quis divulgar. Embora, estamos certos, terá sido uma pequena fortuna, ou não fosse este um dos negócios mais lucrativos, não só para a Ferrari, como para qualquer fabricante automóvel de luxo.

Suprimido o banco traseiro, o Ferrari BR20 opta por um revestimento em madeira de carvalho
Suprimido o banco traseiro, o Ferrari BR20 opta por um revestimento em madeira de carvalho

No entanto e mesmo com o investimento que será necessariamente grande, a Ferrari já revelou, em tempos, que tinha uma lista de espera, para veículos únicos do género deste BR20, de cerca de cinco anos…