Estes são os carros mais seguros de 2018


Data: 12 Dezembro, 2018

Foram divulgados pelo EuroNcap os automóveis que tiveram melhor desempenho nos seus testes ao longo deste ano, com o Mercedes Classe A a encabeçar a lista dos carros mais seguros de 2018

Uma das questões primordiais na aquisição de um automóvel é a garantia de segurança que ele dá ao condutor e ocupantes, com os altos níveis de proteção conferidos a serem até um elemento fulcral na estratégia de alguns fabricantes. Para avaliar essa segurança, existe uma organização europeia, o EuroNcap, que testa todos os novos modelos que chegam ao mercado automóvel do Velho Continente. Agora, da alargada lista de novidades que passaram pelos seus crash-tests ao longo dos últimos doze meses, o EuroNcap revela os carros mais seguros de 2018.

Mercedes Classe A
Melhor na categoria 'Pequenos Familiares'
Eleito também o Carro mais Seguro de 2018
Hyundai Nexo
Escolhido na categoria 'Off-Roaders de Grandes Dimensões'
Lexus ES
Distinguido entre os 'Grandes Familiares'

Foram distinguidos três modelos por esta entidade, que colocou o Mercedes Classe A como o automóvel mais seguro do ano. Além disso, o compacto germânico encabeça a lista na categoria que o EuroNcap designa como ‘Pequenos Familiares’. Mas ao Classe A juntam-se outros dois modelos no trio de carros mais seguros de 2018, pois o Lexus ES e o Hyundai Nexo foram realçados, respetivamente, como os carros mais seguros de 2018 nas classes de ‘Grandes Familiares’ e ‘Off-Roaders de Grandes Dimensões’.

Esta foi também uma ocasião para o EuroNcap fazer o balanço deste ano, recordando desde logo a maior exigência colocada nos testes. Algo visível no olhar mais atento à proteção conferida aos utentes mais frágeis do cenário do trânsito (peões e ciclistas) e também nas assistências de segurança. Este último parâmetro até fez uma “vítima”, com o Fiat Panda a tornar-se no segundo automóvel da história a receber a nota de zero estrelas. Além disso, foram recordados os primeiros testes aos apoios de condução autónomos, que serviram para desmistificar qual o raio de alcance que estas tecnologias têm. E esta entidade referiu ainda o empenho em continuar a supervisionar e avaliar os próximos avanços na área da condução autónoma.

Para terminar, o EuroNcap também desafiou todos os fabricantes a aumentarem cada vez mais os níveis de proteção dos seus modelos, seguindo o exemplo dos três carros mais seguros de 2018. Foi recordado que, com o ‘RoadMap’ estabelecido para a introdução de novos sistemas de segurança, será necessário que as marcas acompanhem a evolução tecnológica e ir equipando os seus modelos cada vez com mais componentes e sistemas que ajudem a reduzir a sinistralidade rodoviária.

 

Recorde também os modelos mais seguros de 2016 e de 2017, segundo os dados do EuroNcap.

Partilhar