Lamborghini Híbrido presta homenagem a Ferdinand Piëch (vídeo)

Texto: Filipe Bragança
Data: 10 Setembro, 2019

O Lamborghini Sián FKP 37, que acaba de ser revelado no Salão de Frakfurt, presta homenagem ao pai do Grupo Volkswagen.

Uma semana após a apresentação do novo Lamborghini Sián, o primeiro hibrido e o carro mais potente, que alguma vez saiu de Bolonha, eis que chega uma versão muito especial desta máquina, a tempo de fazer parte dos destaques do Salão de Frankfurt deste ano. O Sián FPK 37 presta homenagem ao recém falecido Ferdinand Piëch, neto de Ferdinand Porsche, e director do grupo Volkswagen, nascido 1937.

“O Prof. Dr. Piëch compreendia o potencial da marca da Lamborghini e como esta se poderia encaixar no Grupo Volkswagen. Ao mesmo tempo, Ferdinand soube manter a identidade da marca italiana e o seu ADN”- disse Stefano Domenicali, CEO da Automobili Lamborghini.

 

Esta edição especial do Sián estreia novos materiais e tecnologias, como por exemplo a primeira utilização de um super capacitor para hibridização. O nome Sián, um sinónimo de relâmpago no dialecto Bolonhês, começa a fazer ainda mais sentido.

Com uma potência combinada de 819 cv, o Sián FKP 37 apresenta uma relação peso-potência nunca antes vista no universo do emblema do Touro. O V12, auxiliado pela motorização eléctrica, faz com que este Lamborghini seja capaz de acelerar dos 0-100 km/h em menos de 2,8 segundos. Com uma velocidade máxima superior a 350 km/h, este automóvel representa o pináculo da engenharia de Sant’Agata Bolognese

previous arrownext arrow
Slider

Cada um destes Lamborghini Sián especiais custam dois milhões de euros. Ainda assim, o seu elevado valor não impediu que já se tenham vendido 63 viaturas.