Eis o novo Suzuki Jimny, o todo-o-terreno nipónico está de regresso


Data: 6 Julho, 2018

O novo Suzuki Jimny foi ontem apresentado, tal como a marca prometera. Se já era conhecida aparência da nova geração deste SUV todo-o-terreno da Suzuki, ficámos a conhecer detalhes técnicos e a data de início de comercialização: outubro deste ano.

Para descrever o novo Suzuki Jimny poderíamos utilizar adjetivos como “comedido” e “genuíno”. Isto porque o automóvel deixa antever, através do seu visual, que se trata de um modelo prático, e, no que respeita ao motor, nada exagerado. É “simples” mas cativante. Para substituir o antigo bloco de 1.3l, o fabricante nipónico escolheu um novo motor de 1.5l, que alcança “melhores prestações especialmente fora de estrada”.

O novo propulsor, de quatro cilindros e de 1,462cc tem um sistema de injeção multiponto e desenvolve 100cv às 6,000rpm. O binário máximo, de 130 Nm, é atingido às 4,000rpm. Mesmo com o aumento de cilindrada, este bloco é 15% que o que substitui e é também mais eficiente. A transmissão fica a cargo de uma caixa manual de cinco velocidades, com rácios optimizados, e, como opção, pode ser adquirida a caixa automática de quatro velocidades.

O sistema de tração integral escolhido foi o Allgrip Pro AWD, que transfere a potência para as quatro rodas. Sublinha a Suzuki que este sistema foi concebido “para profissionais” e que é apoiado por controlo de tração. Para assegurar o desempenho do novo Suzuki Jimny, o SUV inclui três modos de condução: 4×2, 4×4 e 4×4 com engrenagem de redução. De referir que a nova alavanca da caixa de velocidades e os suportes de transmissão reduzem as vibrações sentidas no habitáculo.

A estrutura de suporte do novo Suzuki Jimny é independente da carroçaria e a suspensão integra componentes adicionais, que contribuem para um reforço da rigidez torcional. O ângulo de entrada fixa-se nos 37 graus, o de “break-over” nos 28 graus e o de saída nos 49 graus. A nível de tecnologia, de realçar os sistemas de apoio à condução, em especial o de travagem de emergência e o de reconhecimento de sinais. Outras apostas passam pelo ar condicionado automático, o cruise control e um ecrã tátil do sistema de infoentretenimento.

O novo Suzuki Jimny chega aos mercados europeus em outubro deste ano, com preços por revelar.

 

Partilhar