Publicidade

É demais! Carro-salsicha de Oscar Mayer foi presa dos ladrões de catalisadores

Texto: Redação
Data: 27 de Fevereiro, 2023

Verdadeira epidemia à qual nem mesmo Portugal consegue escapar, a verdade é que os ladrões de catalisadores parecem não ter escrúpulos ou limites! Que o diga Oscar Mayer, dono de um dos veículos mais famosos nos EUA, o Wienermobile, que, em Las Vegas, acabou “aliviado” do seu catalisador!

Também conhecido como “carro-salsicha”, o Wienermobile é, não um, mas uma verdadeira frota de veículos (ao todo, são 11), todos eles customizados segundo aquilo que as imagens documentam. E que, no fundo, servem como veículos de promoção dos cachorros-quentes criados por Oscar Meyer, sendo, até pelas suas formas, muito acarinhados pelos americanos.

E termos técnicos, estes veículos têm por base um chassis de camião Isuzu, conjugado com uma série de componentes provenientes de vários outros veículos (mais uma vez, camiões, maioritariamente…), e que ajudam a locomover uma carroçaria em fibra de vidro, com 8,22 metros de comprimento, e o formato de um vistoso cachorro-quente!

Aliás e a demonstrar que, conduzir um veículo deste tipo, é tudo menos fácil, a valorização que a própria empresa de cachorro-quentes dá a todos os condutores que aceitam a missão de circular com uma destas salsichas gigantes. Desde logo, pagando-lhes um salário base que ronda os 36.500 euros ano, qualquer coisa como 34.415 euros à cotação atual, além de um extra para as refeições e todos os gastos feitos nos mais de 200 eventos em que participam todos os anos.

A somar a tudo isto, um período de férias que a empresa fixa em 18 dias.

A praga do roubo de catalisadores

No entanto e apesar da adoração que os americanos têm por estes veículos, a verdade é que este sentimento parece não abranger uma espécie muito específica de ladrões de automóveis: os ladrões de catalisadores.

A demonstrá-lo, a situação ocorrida no passado dia 9 de fevereiro, em Las Vegas, e a que vários orgãos de informação norte-americanos deram destaque, a qual envolveu um dos 11 carros-salsicha, que ali se deslocou, para mais um evento.

LEIA TAMBÉM
De fazer cair o queixo! E que tal um Rolls-Royce Boat Tail… em madeira?

Numa altura em que estava estacionado num parqueamento junto à Paradise Road, o veículo terá despertado a atenção de ladrões, que, sem que alguém reparasse, acabaram roubando-lhe o catalisador.

O sucedido, no entanto, só foi descoberto na manhã seguinte, quando o condutor se dirigiu ao veículo e tentou colocá-lo a funcionar. O qual, como não arrancava, acabou sendo rebocado para uma oficina Penske, onde os mecânicos descobriram que o motivo do problema, era a falta do catalisador.

Com evento prestes a começar e sem nenhum equipamento semelhante disponível, a oficina lá conseguiu arranjar uma solução temporária, de forma a permitir que o Wienermobile não tivesse de faltar ao compromisso, sendo que, a partir daí, o maior problema passou a ser a resolução definitiva da situação: é que e ainda de acordo com as mesmas fontes, encontrar o catalisador correcto para o motor V8 6,0 litros da Chevrolet que o carro-salsicha ostenta, é tarefa que pode levar até dois meses…