Publicidade

Conheça as (poucas) mudanças do BMW M3

Texto: Carlos Moura
Data: 30 de Maio, 2024

Em equipa que ganha não se mexe e essa deve ter sido a fórmula utilizada pela BMW na atualização do M3, que poucas mudanças apresenta face ao seu antecessor. Mas ainda existem algumas diferenças no exterior e no interior visíveis pelos mais atentos.

À semelhança do Série 3 “normal”, a BMW também refrescou ligeiramente as versões desportivas M3. No exterior, as alterações são pouco significativas, limitando-se aos novos grupos óticos com um arranjo diferente em forma de seta para as luzes de circulação diurna e os indicadores de mudança de direção.

Entre as outras novidades a nível exterior destaque para as jantes de liga leve forjadas com acabamento em prateado brilhante. Quem pretender algo diferente existe a opção pelo Pacote M Carbon Exterior, que inclui componentes plásticos reforçados com fibra de carbono nas entradas de ar frontais, no difusor traseiro, capas dos espelhos e um spoiler traseiro. 

Se não for suficiente é possível solicitar o Pacote M Carbon que já inclui travões cerâmicos de carbono, um conjunto de baquets M Carbon, volante em Alcântara e friso em fibra de carbono.

Para desapontamento de muitos entusiastas da marca de Munique, a grelha frontal não sofreu qualquer modificação, tal como já não tinha sucedido na recente atualização do M4.

Menos botões físicos

O habitáculo do BMW M3 apresenta mais algumas mudanças, mas nem tudo são boas notícias. O número de botões físicos diminuiu, passando o sistema operativo 8.5 da BMW a assumir o controlo de funções como da climatização. Ainda assim, o utilizador tem ao seu dispor o ecrã curvo de elevada resolução com 12,3” para o quadro de instrumentos e de 14,9” para o sistema de informação e comunicação.

LEIA TAMBÉM
Veja as imagens. BMW M3 Touring deixa para trás Audi RS4 Avant

O interior recebe ainda um volante multifunções de três raios cortado em baixo, que inclui um marcador vermelho no centro. O painel de bordo Sensatec transmite uma imagem mais premium e possui um friso Aluminum Rhombicle Anthracite, que é de série, estando disponíveis como opções o M Carbon Fiber e M Fine Brushed Aluminium.

XDrive com mais 20 cv

Por baixo do capot encontra-se o conhecido motor turbo de seis cilindros em linha com 3,0 litros. A versão de entrada está associada a uma caixa manual de seis velocidades que transmite a potência de 480 cv às rodas traseiras, permitindo ao M3 acelerar dos 0 aos 100 km/h em 4,1 segundos. 

A opção pelo M3 Competition vem acompanhada por uma caixa automática de oito velocidades, que envia a potência de 510 cv às 6150 rpm para o eixo traseiro. A aceleração dos 0 aos 100 km/h é cumprida em 3,8 segundos.

Por sua vez, a versão de topo xDrive, (com tração integral) do M3 Competition ganhou mais 20 cv e passa a disponibilizar uma potência máxima de 530 cv às 6250 rpm e um binário máximo de 650 Nm entre as 2750 e as 5730 rpm. Esta versão pode acelerar dos 0 aos 100 km/h em 3,4 segundos.