Alfa Romeo Giulia Stelvio Quadrifoglio

Publicidade

Alfa Romeo Giulia e Stelvio Quadrifoglio MY2020 apresentados

Texto: Ricardo Machado
Data: 7 de Maio, 2020

Depois do recente restyling das gamas Giulia e Stelvio, a Alfa Romeo estendeu a renovação às versões mais potentes. Mais do que os retoques estéticos ou que o avanço para o nível dois da condução autónoma, os novos Giulia e Stelvio Quadrifoglio destacam-se por manter os 510 cv.

Sinónimo de performance, o trevo verde garante que os novos Alfa Romeo Giulia e Stelvio Quadrifoglio mantêm o V6 2.9 Bi-Turbo, que aos 510 cv junta 600 nm de binário disponíveis logo às 2500 rpm.

A caixa automática de oito velocidades também se mantém e é comum a ambos os modelos, tal como o sistema de Vectorização Ativa de Binário Alfa.

A estes sistemas, o Stelvio Quadrifoglio junta o sistema de tração integral Q4.

As óticas traseira de ambos os modelos apresentam novos LED e lente escurecida
As óticas traseira de ambos os modelos apresentam novos LED e lente escurecida

Sempre importante para o verdadeiro apreciador de automóveis desportivos, a banda sonora dos novos Giulia e Stelvio Quadrifoglio é devidamente modulada pelo escape Dual Mode com dois pares de ponteiras cromadas.

Os melómanos mais exigentes podem optar por um inédito sistema de escape Akrapovic em titânio, com terminais em fibra de carbono.

Escape Akrapovic dos novos Giulia e Stelvio Quadrifoglio
O escape Akrapovic em titânio é uma opção inédita

Mais tecnologia

Sem novidades de monta para o interior, os novos Giulia e Stelvio Quadrifoglio apostam na tecnologia.

Assim, o design elegante e minimalista de ambos os modelos surge reforçado por novos ecrãs de 8,8’’, com novo interface. Entre os conteúdos exclusivos destacam-se páginas específicas para que o condutor possa conhecer o estado do veículo em tempo real.

Interior

Da temperatura dos principais componentes mecânicos, como os travões ou o motor, à pressão do turbo, sem esquecer a potência em tempo real, são muitos os elementos que transformam as Performance Pages num sistema de telemetria.

Aos novos Giulia e Stelvio Quadrifoglio não podiam faltar cronómetros para digitais para medir as acelerações e velocidade máxima.

Menus do computador de bordo dos  novos Giulia e Stelvio Quadrifoglio
Agora é possível controlar a temperatura de diversos componentes

Condução autónoma nível 2

Para garantir que toda a diversão seja feita com o máximo de segurança, os novos Giulia e Stelvio Quadrifoglio estão equipados com sistemas de apoio à condução que os qualificam para o nível dois de condução autónoma. Ou seja, há alturas em que o veículo, com concordância do condutor, pode assumir o controlo do acelerador, travões e direção.

 Novo Giulia Quadrifoglio
A condução autónoma ainda não faz drift

Estamos certos de que não será pelos dotes de condução autónoma, que os novos Giulia e Stelvio Quadrifoglio vão apelar ao seu público-alvo. Será mais pelo tempo inferior a quatro segundos que anunciam para o arranque até aos 100 km/h ou pelo enorme prazer de condução que proporcionam.

Por conhecer ficam apenas a data certa de comercialização e os preços nacionais.

 Novos Giulia e Stelvio Quadrifoglio