Publicidade

ZF disponibiliza peças de embraiagem para transmissões TraXon

Texto: Carlos Moura
Data: 29 de Julho, 2022

Para camiões e autocarros equipados com a caixa automática TraXon, a ZF Aftermarket disponibiliza às oficinas independentes uma ampla gama de peças de substituição para a reparação de embraiagens.

A ZF Aftermarket conta com uma ampla gama de peças de substituição para a reparação de embraiagens e transmissões, especialmente para camiões e autocarros equipados com a caixa automática TraXon, de 12 ou 16 velocidades.

Em produção desde 2014 como sucessora da AS-Tronic, os camiões e autocarros com caixa automática TraXon começam a aparecer cada vez mais nas oficinas independentes.

Apesar da transmissão automática reduzir consideravelmente o desgaste da embraiagem em comparação com as caixas de velocidades manuais para camiões e autocarros, a embraiagem de fricção do TraXon não deixa de ser uma peça de desgaste. 

Desde 2014 já foram produzidas 500 mil caixas de velocidades automáticas ZF TraXon

A vida útil depende em grande parte do perfil de utilização. No tráfego de longo curso, é possível quilometragem de até um milhão de quilómetros, tendo em conta as relativamente poucas operações de arranque e de colocação mudanças. Pelo contrário, no tráfego pesado de obras pode ser necessária uma mudança aos 250.000 quilómetros.

Sempre com ConAct

A principal diferença entre a transmissão automática e a anterior AS-Tronic reside na unidade de embraiagem. A caixa TraXon está sempre equipada com o ConAct, um cilindro concêntrico de desengate da embraiagem pneumático que substituiu o acionamento convencional da embraiagem por meio de uma alavanca de libertação da embraiagem.

O sistema determina automaticamente a posição ideal de desbloqueio da embraiagem; a eletrónica do veículo regula suavemente a unidade. Isto elimina o risco de sobrecarga da embraiagem pelo condutor.

LEIA TAMBÉM
ZF Aftermarket aumenta oferta para comerciais ligeiros e pesados

A ZF sublinha que a mudança de embraiagem no TraXon é um processo muito semelhante ao da transmissão de um veículo comercial convencional. No entanto, note-se que durante qualquer trabalho na embraiagem, no ConAct e ao desmontar a transmissão, a pressão pneumática do sistema ConAct deve ser libertada através do parafuso de purga, existente para este efeito, antes de desmontar a embraiagem.

Para detetar danos ou desgaste numa fase inicial e assim minimizar visitas não programadas à oficina, existe uma função de manutenção preditiva opcional para o sistema de transmissão. Isto permite que os operadores da frota monitorizem constantemente o estado de componentes individuais críticos, tais como óleo de transmissão ou discos de embraiagem, e planeiem a manutenção com antecedência. Isto reduz os custos e, ao mesmo tempo, prolonga a vida útil da transmissão.

Oferta alargada

A ZF Aftermarket adianta que não fornece apenas peças de substituição para transmissões ZF, mas também para outros fabricantes de pesados que produzem as suas próprias caixas de velocidades ou modelos foram equipados de origem com uma embraiagem de outro fornecedor.

A ZF Aftermarket refere que o seu portefólio disponibiliza componentes de substituição com qualidade original do equipamento, adiantando que as inovações técnicas do equipamento original chegam ao mercado independente de pós-venda rapidamente. 

Cerca de dois anos após o início da produção, estão disponíveis como peças de substituição para todas as operações independentes. Um exemplo são os novos discos de embraiagem com amortecedor de torção adaptados às últimas gerações de motores.