Volvo estende a tecnologia híbrida a toda a gama

Texto: Filipe Bragança
Data: 25 Fevereiro, 2019

A Volvo acaba de anunciar que, a partir deste momento, estarão disponíveis motorizações electrificadas em todos os automóveis novos.

Para além de ter melhorado as suas motorizações híbridas T8 e T6 ‘Twin Engine’, a Volvo desenvolveu outras soluções para equipar sua nova frota. Para já, está confirmada a introdução destas novas motorizações ‘mild hybrid’, começando nos SUV XC90 e XC 60, que vão aumentar a eficiência tanto nas versões a gasolina como nos Diesel. Estes dois modelos serão os pioneiros da marca ao oferecer o sistema avançado de recuperação de energia cinética na travagem. Esta tecnologia representada pela nova designação ‘B’ para os motores Volvo, oferece mais energia eléctrica ao motor híbrido, que se traduz numa poupança de 15% nos consumos e nas emissões.

 

De momento, a Volvo aumentou a sua capacidade de fabrico destas motorizações alternativas para que, pelo menos, 25% da sua produção possa ficar a cargo dos híbridos ‘Twin Engine’. Ao mesmo tempo, os nórdicos esperam que o novo crachá ‘B’ gradualmente se implemente em todos os seus modelos. O que é considerado um passo rumo ao objectivo da Volvo, de que até meados da próxima década todos os seus automóveis sejam electrificados. A renovada motorização ‘T8 Twin Engine’, disponível nos Volvo 90 e 60, conta com uma potência combinada de 420 cv e um incremento de 15% em relação a autonomia do seu predecessor. O bloco ‘T6 Twin Engine’, mais pequeno, oferece também um incremento de 15% na autonomia e encontra-se disponível na carrinha Volvo V60 e no sedan  S60.

O próximo passo na estratégia da marca sueca de electrificar todos os seus automóveis, passa por equipar o  Volvo XC 40 com a motorização híbrida ‘T5 Twin Engine’. Concluída essa etapa, o passo seguinte será desenvolver um segundo ‘T4 Twin Engine’ que irá reforçar o leque de opções da marca. Reparamos ainda que nas fotografias disponibilizadas pela Volvo o símbolo da grelha frontal aparenta surgir redesenhado. Ainda assim, a marca não avançou nenhuma informação oficial acerca dessa transformação.

 

Veja Também:

Os planos de electrificação das marcas europeias
MAAT concetiza parceria com a Volvo
Audi aumenta gama hibrida