Publicidade

Para a China e Estados Unidos. Volvo Cars reforça aposta na condução autónoma

Texto: Redação
Data: 26 de Abril, 2021

A Volvo Cars anunciou, esta segunda-feira, uma nova parceria para a área da condução autónoma, com a DiDi Autonomous Driving. Ao abrigo da qual, a marca sueca fornecerá veículos àquela que é uma das maiores plataformas chinesas de tecnologia de mobilidade, a Didi Chuxing.

Em comunicado, a Volvo Cars acrescenta que irá fornecer modelos XC90 equipados com os sistemas de backup necessários para controlar a direção e a travagem. Sendo que, a partir daí, colaborará com a DiDi Autonomous Driving, com vista à integração do software e hardware adicionais necessários, para tornar a condução totalmente autónoma.

De resto, estes serão, também, os primeiros automóveis a integrar a DiDi Gemini, a nova plataforma de hardware autónomo da DiDi Autonomous Driving.

A tecnologia de condução autónoma da DiDi Autonomous Driving

Ainda segundo a marca sueca, a junção dos sistemas de backup e das tecnologias de segurança do XC90, com o sistema autónomo da DiDi Autonomous Driving, deverá permitir que estes automóveis sejam capazes de operar sem motoristas, em serviços de robotáxis. Ajudando, assim, a empresa chinesa a continuar a expandir as suas frotas de teste na China e nos Estados Unidos, ao mesmo tempo que aumenta as suas operações comerciais de robotáxis.

Referir, ainda, que esta não é primeira vez que a Volvo Cars, hoje em dia propriedade da chinesa Zhejiang Geely Holding, fornece viaturas à DiDi, pois, já em 2020, entregou viaturas XC60, para utilização no primeiro programa piloto de robotáxis de Xangai, China. E que permitiu que, em determinadas áreas da cidade, as pessoas pudessem reservar viagens por robotáxi na app DiDi, passando a ser conduzidas de forma autónoma, ao mesmo tempo que o automóvel era permanentemente monitorizado por um motorista de segurança e por um engenheiro.

LEIA TAMBÉM
Em 2022. Pão de forma ID.Buzz será o primeiro VW com Condução Autónoma

“Esta colaboração estratégica com a DiDi Autonomous Driving reforça a nossa ambição de querer ser o parceiro escolhido pelas principais empresas de mundiais de mobilidade partilhada”, comenta o CEO da Volvo Cars, Hakan Samuelsson, acrescentando que, “associar o programa  robotizado da DiDi, com a segurança dos nossos automóveis, é uma óptima combinação para construir a confiança entre os consumidores, para uma condução autónoma”

Já o CEO da Didi Autonomous Driving e CTO da Didi Chuxing, Bob Zhang, afirma, através do mesmo comunicado, que “acreditamos que as redes partilhadas de veículos elétricos e autónomos serão cruciais para que os futuros sistemas de transporte urbano alcancem os mais altos padrões de segurança e sustentabilidade”. Sendo que, “com a experiência da Volvo Cars em segurança, esperamos vir a ultrapassar novas barreiras para alcançar futuros serviços de transporte totalmente autónomos”.