Publicidade

Volvo celebra 20 anos da tração integral

Texto: Nuno Fatela
Data: 27 de Janeiro, 2017

O 850SW tornou-se, em 1997, no primeiro 4x4 da marca sueca.

A Volvo está a assinalar duas décadas de presença nos seus automóveis do sistema de tração integral, uma tecnologia que estreou em 1997, primeiro com o 850SW e que no mesmo ano também foi implementada no V70 XC (que deu início à gama Cross Country do fabricante sueco). Para assinalar esta efeméride a marca nórdica foi até aos lagos gelados do norte da Suécia, onde os modelos XC90, V40CC e V90 CC mostraram a eficácia desta tecnologia.

Henrik Green, Vice-Presidente de Investigação e Desenvolvimento da Volvo, enfatizou a importância deste sistema para a própria identidade da marca, explicando que “a Volvo é conhecida pelo que em sueco designamos como framkomlighet, ou seja, a capacidade de levar as pessoas até onde querem, por muito mau que o tempo esteja. É parte importante da nossa tradição e reflete de onde vimos. A recente introdução da tração elétrica às quatro rodas nos nossos veículos de gama alta supõe um novo passo em frente neste importante objetivo”. É destacada pela marca a melhoria na manobrabilidade, estabilidade e tração com a repartição da potência pelas quatro rodas, mantendo inalterados os parâmetros de agilidade e segurança para uma experiência de condução agradável nos modelos do fabricante nórdico.

 

Foi ainda recordada a eficácia obtida na combinação da tração integral com novas tecnologias, como demonstrado no XC90 híbrido de Plug-In já ensaiado pela Revista Turbo. Além disso, a Volvo investiga já novas aplicações com a prevista chegada dos veículos elétricos à gama da marca, que irá oferecer mais opções no controlo da cada motor e roda de forma independente para um comportamento ainda mais agradável e eficaz. A tração integral é, no entanto, já uma realidade bastante generalizada nos modelos do fabricante sueco, como demonstrado pelas estatísticas que indicam que mais de metade dos XC90 comercializados implementam a tração integral, bem como pelo facto de que 40% de todos os automóveis comercializados pela Volvo utilizam esta tecnologia.