Publicidade

Renovado Volkswagen Polo. Encomendas abertas e preços conhecidos

Texto: Carlos Moura
Data: 2 de Julho, 2021

O renovado Volkswagen Polo chega em setembro, mas as encomendas já estão abertas, sendo os preços já conhecidos. 

Desenvolvido a partir da plataforma modular transversal, à semelhança da sétima geração, o novo Volkswagen Polo carateriza-se pelas proporções dinâmicas, com uma longa distância entre-eixos, curtas distâncias entre o centro da roda e as extremidades dianteira e traseira. 

O renovado Polo é mais comprido, largo e com altura reduzida, mas com espaço melhorado ao nível da distância ao tejadilho. A tecnologia LED, de série, na dianteira e na traseira, redefine o visual do modelo da Volkswagen de segmento B, designadamente a faixa a toda a largura na dianteira, que cria uma assinatura própria, quer de dia, quer de noite.

As dimensões interiores também são muito maiores. Como resultado, o carro oferece mais espaço para cinco ocupantes e um porta-bagagens com uma grande volumetria base de 351 litros. 

O habitáculo foi igualmente revisto, tendo sido projetado para a era digital. Os instrumentos são dispostos no mesmo eixo de visualização, com o ecrã do sistema de infoentrenimento situado ao centro, numa espécie de ilha rodeada por superfícies em piano lacado.

Quatro opções de infoentrenimento

Em termos de sistemas de infoentrenimento estão disponíveis quatro opções de ecrã tátil:  6,5” (Composition Media), 8” (Ready2Discover ou Discover Media) ou 9,2” (Discover Pro). Basta o condutor ir pressionando o botão Vista (View) para ir alternando entre três tipos de gráficos e apresentação geral da instrumentação, conforme a preferência do utilizador e o momento ou tipo de viagem. 

O nível de entrada destes sistemas usa como base a plataforma elétrica modular MIB2, enquanto os maiores já são MIB3, com muito melhorada conectividade, serviços online, aplicações, ligações à Nuvem (Cloud) e ligações sem fio para dispositivos Apple e Android. 

A experiência do utilizador muda muito com a nova geração do sistema de infoentretenimento, mas também com o novo layout do painel de bordo, com os dois ecrãs principais (instrumentação e central) alinhados em altura e os vários módulos táteis colocados na parte alta do painel, à exceção dos relativos ao sistema de climatização (que, nas versões mais equipadas, usa também superfícies táteis e digitalização em vez de comandos rotativos e botões). 

Condução autónoma de nível 2

O novo Volkswagen Polo recebeu avançados sistemas de assistência que permitem disponibilizar nalgumas versões uma condução autónoma de nível 2. As tecnologias presentes no sistema opcional IQ.Drive Travel Assist permitem ao veículo assumir o controlo da direção, travagem e aceleração automaticamente, quando solicitado, a velocidades de 0 a 210 km/h com a caixa DSG, ou, com transmissão manual, de 30 até 210 km/h.

O Travel Assist é ativado através de um botão no volante, permitindo manter o veículo na faixa de rodagem e manter a velocidade e a distância de segurança para o trânsito que se encontra à frente. Em combinação com a caixa de velocidades de dupla embraiagem DSG, permite conduzir de forma descontraída em situações de congestionamento e trânsito em “para-arranca”. 

LEIA TAMBÉM
Este é o novo Volkswagen Polo

O sistema IQ.Drive Travel Assist é baseado no Cruise Control Adaptativo (ACC), que mantém a distância e respeita os limites de velocidade. O ACC ajuda a manter uma velocidade máxima previamente definida, assim como uma distância segura em relação ao automóvel da frente.

Em combinação com um sistema de navegação (opcional), é complementado com a regulação preditiva da velocidade e assistência em curvas: ajuda o condutor a evitar infrações, mantendo-o dentro dos limites de velocidade oficiais; e recorre a dados do percurso para ajustar a velocidade do automóvel em curvas, cruzamentos (viragens) e rotundas. 

O IQ.Drive Travel Assist é simples de utilizar, já que o volante multifunções, que é de série, incorpora um botão separado para o sistema smart assist. Um simples clique é suficiente, e o novo Polo assume uma condução parcialmente automatizada. O sistema é baseado na fusão do Adaptive Cruise Control (ACC) com o Lane Assist, combinando a orientação lateral e longitudinal. 

Cinco motorizações

O novo Polo é proposto cinco motorizações, quatro a gasolina e uma a gás natural comprimido. A oferta base assenta no bloco de três cilindros com três níveis de potência: 1.0 MPI com 80 cv; 1.0 TSI com 95 cv ou 110 cv. O motor de topo é o 2.0 TSI de 207 cv, que se destina ao Polo GTI. O motor a gás natural é o 1.0 TGI com 90 cv.

Todos os modelos são equipados com o sistema Start-Stop e modo de travagem regenerativa. A partir da potência de 95 cv é possível a combinação com a transmissão automática DSG de dupla embraiagem.

Os níveis de equipamento foram revistos e melhorados, estando disponíveis quatro alternativas: Polo, Life, Style, R- Line. Até ao final do ano a oferta será ampliada ao Polo GTI. Em Portugal, o preço da versão base é de 18.318 euros (Polo 1.0 com 80 cv). As pré-vendas arrancam durante o mês de julho e o início da comercialização em setembro. 

A dotação de série de todas as versões inclui faróis em LED eco, proteção pró-ativa de passageiros, Digital Cockpit, ar condicionado climatic, sistema Lane Assist, jantes em aço de 15 polegadas, volante multifunções e App Connect. 

A Volkswagen incorporou ainda o Digital Cockpit (instrumentos digitais, com ecrã de 8,0 polegadas) ao equipamento base. Há ainda uma série de outras características que agora são de série: o sistema de áudio Composition Media com monitor de 6,5 polegadas, uma interface para telefone Bluetooth, espelhos retrovisores exteriores ajustáveis eletricamente e aquecidos, e vidros elétricos em todo o veículo.