Vitória da Mercedes no GP do Canadá gera controvérsia

Texto: Filipe Bragança
Data: 11 Junho, 2019

Sebastian Vettel cruzou a meta em primeiro… mais foi Hamilton quem celebrou a vitória.

Normalmente diz-se que as vitórias se ganham quando se cruza a meta, mas este fim-de-semana na Fórmula 1 não foi bem assim. Afinal, mesmo tendo sido o Ferrari de Vettel a ver primeiro a bandeira de xadrez, acabou por ser o seu rival da Mercedes, Lewis Hamilton, a sagrar-se vencedor. Como se pode perceber, este último Grande Prémio foi marcado por uma decisão controversa, com uma penalização dos comissários a ditar o resultado da prova.

No circuito canadiano Gilles-Villeneuve, Vettel partia de uma pole position inédita (este ano). Após a partida, o alemão da Ferrari manteve-se na frente da prova, destacando-se do pelotão, juntamente com Lewis Hamilton, que o seguia de perto. Este parecia ser o dia em Vettel e a ‘Scuderia’ iriam terminar com a série vitoriosa da Mercedes, já que Sebastian até estava a aumentar a distância para o seu rival britânico.

 

Se a vitória parecia segura, tudo mudou na volta 48, quando, após uma incursão pela relva do piloto da Ferrari, o seu regresso à pista foi considerado inseguro, pois obrigou Hamilton a travar a fundo para evitar o embate. No entender da FIA, o alemão entalou o Mercedes (deliberadamente) entre o seu carro e a barreira. Acreditando que a manobra de Vettel foi mal intencionada, os juízes atribuíram-lhe uma penalização de 5 segundos, que se revelou crucial no final da prova, e que fez como que  Hamilton saltasse do segundo para o primeiro lugar.

Esta decisão tem vindo a dividir as opiniões dos fãs da F1. Mas a verdade é que a decisão está tomada, e com mais este triunfo a Mercedes continua a fazer o pleno no lugar mais alto do pódio durante a temporada de 2019.

 

Veja também:

Porsche construiu motor para a Fórmula 1
F1: Onda de azar da Williams em Baku
Fórmula 1 vs Fórmula E: quem ganha mais?
Concentração de carros vintage de Fórmula 1
Pininfarina Battista supera os Fórmula 1

Partilhar