Uber perde licença para operar em Londres

Texto: Filipe Bragança
Data: 25 Novembro, 2019

Em causa estão falhas de segurança, relacionadas com o perfil dos condutores.

A Uber e a Transport for London (órgão do governo responsável pelo sistema de transportes na cidade e conhecido por TfL) estão numa guerra sem fim à vista. A empresa americana operava nesta cidade através de uma licença provisória de 15 meses, depois de ter perdido a autorização para desenvolver a sua actividade, em Londres. Ou seja, é a segunda vez em dois anos que a Uber perde a autorização para operar, na capital.

Depois de ter perdido a licença em 2017, devido a problemas no processo de recrutamento, a plataforma de transportes vê a sua autorização recusada pela segunda vez, no momento em que se verificaram várias irregularidades associadas com os perfis dos condutores.

De acordo o TfL, uma actualização do sistema da plataforma permitiu que condutores não autorizados conseguissem coloca fotografias na conta de outros condutores, fazendo-se passar pelo motorista designado. O TfL vai mais longe e avança que esta situação tenha potenciado pelo menos 14.000 viagens ilegais.

“Ainda que se tenham revisto alguns destes problemas, nós (TfL) não temos confiança que estas situações não se voltem a repetir. Isto leva-nos a concluir que neste momento a Uber não está em condições e operar aqui”.

Em resposta, a Uber garantiu estar a realizar as mudanças necessárias para que a segurança dos seus utilizadores seja preservada.