Publicidade

Nas bancas. TURBO de junho já à venda com a adrenalina em alta


Data: 18 de Maio, 2022

Porque, pelo menos para nós, aqui na TURBO, o Automóvel continua a ser sinónimo de Emoção, eis que chega às bancas mais uma edição da sua revista de sempre, desta feita, a transbordar, não apenas de novidades e conteúdos importantes, como também e principalmente, de muita adrenalina. Passe pela banca e sinta o poder das octanas, na sua TURBO de junho!

Numa edição em que as emoções estão claramente em alta, começamos por dar destaque de capa aquela que é uma das propostas mais aguardadas, não apenas pela enorme legião de fãs da marca, como pelo próprio fabricante: o Alfa Romeo Tonale. Sem dúvida, um dos mais esperados SUVs dos últimos tempos, do qual tivemos agora a oportunidade de conduzir a motorização mais diferenciadora, como é o híbrido de 160 cv.

E já que estamos a falar de propostas capazes de marcar o futuro de um fabricante automóvel, referência igualmente obrigatória para um primeiro contacto que só mesmo a TURBO poderia oferecer-lhe. Falamos do futuro BMW i7 xDrive60, berlina que, uma vez chegada ao mercado, assumirá o papel de proposta porta-estandarte 100% elétrica na oferta da marca de Munique…  e que nós já conduzimos!

No entanto e porque aquilo que quisemos dar-lhe, nesta nova edição da Turbo, foi, conforme também já o referimos, adrenalina pura, começamos por a primeira das razões pelas quais não deverá perder a TURBO de junho – afinal, trata-se da única revista em que vai poder mergulhar num ensaio ao incrível Lamborghini Huracán Evo Spyder! Um verdadeiro Street Racer, que a nossa equipa colocou à prova, não num qualquer país das Arábias, mas em plena capital portuguesa.

Com a adrenalina já em alta, convidamo-lo, então, a trocar um dos mais desejados superdesportivos italianos por aquele que é, presentemente, a maior ameaça ao domínio exercido por outro Lamborghini, o Urus, enquanto SUV desportivo mais rápido do mundo – o Aston Martin DBX 707, uma proposta que, confirmámo-lo, coloca a fasquia muito acima de qualquer concorrência, no que a emoções (e eficácia) diz respeito.

Depois e já em pista, a oportunidade de “explodir” com o mais potente carro de sempre da divisão de altas performances da marca da estrela, o Mercedes-AMG GT 63 S E Performance. O qual, até mesmo em estrada, promete assumir-se como referência… e não só quanto à adrenalina sentida ao volante.

A terminar, uma última referência ao artigo de fundo sobre os 50 anos do Campeonato do Mundo de Ralis, isto numa altura em que  a edição de 2022 do Rali de Portugal se prepara para sair para a estrada.

Em suma: se aquilo que procura é emoção e adrenalina, também como forma de contrariar a rotina do dia-a-dia, então, a TURBO de junho é, mesmo, a revista que não pode perder!…