MITSUBISHI ASX 1.6 DI-D 4X2 CROSS CITY

Texto: António Amorim / Fotografia: José Bispo
Data: 2 Dezembro, 2017

Até ao final de outubro vale a pena aproveitar os 3000€ de desconto que a Mitsubishi está a fazer no ASX, até porque vem carregado de equipamento e com o moderno e económico motor 1.6 DI-D de 114 CV

Há cerca de cinco anos o Mitsubishi ASX pregou um valente susto ao Nissan Qashqai com o seu motor turbodiesel de 1.8 litros e 150 CV. Andava bem, gastava pouco e quase não se ouvia. Uma maravilha. Mas as normas ambientais condenaram o saudoso 1.8 DI-D a favor deste “filho adotivo”, com 1.6 litros de capacidade, 114 CV de potência (270 Nm) e de origem Peugeot.

Havia necessidade? Sim, porque este motor emite apenas 119 gramas de CO2 a cada 100 km. E anda bem? Afirmativo. Responde desde as 1750 rpm com força suficiente para fazer ultrapassagens rápidas e seguras sem ir à caixa, que por sinal é uma manual de seis bastante bem escalonada e de manejo agradável.

Há vantagens nos consumos? Bastantes. Verificámos, em percurso misto, os 5,4 litros aos cem que a marca anuncia e conseguimos até 4,6 l/100km a 90 km/h (6,4 l/100km a 120 km/h). O ASX também é um bom familiar compacto, excelente parceiro de viagens longas, onde o motor se ouve mais que o desejável mas tudo o resto satisfaz bastante.

 

As novas jantes de 18 polegadas tornam-no mais firme no pisar, os bancos forrados a couro sintético incluem regulações elétricas e aquecimento na primeira fila, o teto panorâmico é de série e, para a condução noturna, são muito importantes os novos faróis de xénon. Já os frisos plásticos nas cavas de roda servem para pouco mais do que marcar uma atualização visual.

A lista ainda inclui a climatização automática, arranque sem chave e câmara de marcha-atrás no ecrã tátil de 6,1 polegadas. Para um preço de 26 500€ (em campanha promocional até 30 de outubro de 2015 e sem despesas administrativas), é recheio digno de boa nota.

 

Esta metodologia não foi aplicada a este ensaio. Todo o texto encontra-se no capítulo inicial

Esta metodologia não foi aplicada a este ensaio. Todo o texto encontra-se no capítulo inicial

Esta metodologia não foi aplicada a este ensaio. Todo o texto encontra-se no capítulo inicial

Esta metodologia não foi aplicada a este ensaio. Todo o texto encontra-se no capítulo inicial

Esta metodologia não foi aplicada a este ensaio. Todo o texto encontra-se no capítulo inicial

Esta metodologia não foi aplicada a este ensaio. Todo o texto encontra-se no capítulo inicial