MobiecoTesla Cybertruck

Publicidade

Por esta não esperávamos! Reluzente Cybertruck tem problemas com a água

Texto: Francisco Cruz
Data: 19 de Fevereiro, 2024

Por esta, sinceramente, duvidamos que alguém esperasse! Famosa também pela sua carroçaria brilhante e reluzente, fabricada em aço inoxidável, a Tesla Cybertruck não lida, afinal, muito bem com a água. A confirmá-lo, as queixas de vários proprietários, a denunciarem manchas de ferrugem em veículos acabados de entregar!

O problema começou por vir à tona num fórum de nome cybertruckownersclub.com, no qual, um participante com o nome de ’Raxar’, começou por relatar o facto de terem bastado apenas dois dias de chuva intensa para que a sua pickup elétrica Cybertruck começasse a apresentar pequenas manchas de ferrugem.

“Fui até Dublin [Califórnia] buscar a minha Cybertruck nova, estava a chover torrencialmente, sendo que, daí, conduzi-a até Sacramento. E foi aí que reparei que já apresenta uma série de pequenas manchas laranja e algumas manchas de água. Os pontos laranja não são grandes, são pequenos, mas são visíveis. É claro que ainda não lavei o carro, mas também só esteve ainda dois dias à chuva”, escreveu Raxar.

Uma das imagens que acompanha o testemunho do utilizador Raxar, em que se consegue ver os pontos de ferrugem que começam a aparecer na carroçaria da Cybertruck
Uma das imagens que acompanha o testemunho do utilizador Raxar, em que se consegue ver os pontos de ferrugem que começam a aparecer na carroçaria da Cybertruck

Embora a publicação tenha despoletado, de imediato, reacções, inclusive, defendendo que poderia tratar-se, não de ferrugem, mas de pólen ou até mesmo aparas de carbono oriundas da própria fabrica, um segundo usuário, de nome vertigo3pc, decidiu juntar-se à conversa e contar, igualmente, a sua experiência… para relatar uma situação muito semelhante à anterior.

Segundo este proprietário, a sua Cybertruck, que lhe terá sido sido entregue no dia 1 de fevereiro, também já terá começado a apresentar manchas de uma ferrugem cor de laranja. Sendo que, neste caso, o dono decidiu relatar, de pronto, a situação à Tesla.

LEIA TAMBÉM
Da construção à chapa. Conheça a Tesla Cybertruck por dentro!

No entanto e “numa conversa com pessoas da marca, foi-me dito que: 1) já existe um procedimento/orientação definido pela Tesla, para responder a este tipo de situações; 2) Contudo, ainda não possuem as ferramentas necessárias, pelo que ainda nem sequer puderam aplicar a solução em qualquer carro”, escreveu vertigo3pc.

“Eles, simplesmente, documentaram toda a situação, assim como a corrosão, e garantiram-me que me ligariam durante o próximo mês, assim que as ferramentas chegassem e pudessem realizar a reparação”, conclui o mesmo interlocutor.

Finalmente e apesar desta ser uma situação verdadeiramente insólita, o site Futurism garante que, no próprio manual do utilizador da Cybertruck, a Tesla escreve que os painéis de aço inoxidável da carroçaria podem, efectivamente, desenvolver corrosão, sob certas circunstâncias. Pelo que o fabricante recomenda que, até para evitar dados futuros, os proprietários façam a remoção “imediata” de substâncias como graxa, óleo, excrementos de pássaros, resina de árvores, insectos mortos, alcatrão, sal rodoviário e muitas outras substâncias mais.

Elon Musk chegou a garantir que a Cybertruck seria capaz de flutuar; afinal, é melhor não...
Elon Musk chegou a garantir que a Cybertruck seria capaz de flutuar; afinal, é melhor não…

Aliás, no mesmo manual, surge explícito que os proprietários que “não devem esperar até que possam lavar a Cybertruck por completo”.

Apesar de todos sabermos que nenhum automóvel é totalmente imune à corrosão, a verdade é que não deixa de ser surpreendente a rapidez com que, segundo os testemunhos destes proprietários, a pickup elétrica da Tesla parece desenvolver ferrugem. Mesmo quando em zonas do globo mais quentes e ensolaradas, como é o caso da Califórnia, onde os dois participantes dizem viver.