Mobieco

Patente Tesla promete grandes ganhos nas baterias

Texto: Nuno Fatela
Data: 5 Fevereiro, 2019

Mais velocidade de carga, mais longevidade e um custo inferior. Este é o maravilhoso mundo prometido pela nova patente Tesla nas baterias

A Tesla inscreveu uma nova patente que, recorrendo a aditivos, poderá elevar para novos patamares as capacidades das baterias. Esta solução foi desenvolvida por Jeff Dahn, considerado um dos maiores especialistas nesta área pois tem estado envolvido desde o início no desenvolvimento das baterias de iões de lítio, que colabora com a Tesla desde 2016. Segundo é indicado no texto da patente, que pode encontrar aqui, os ganhos estarão nas principais áreas das baterias, com maior densidade energética, maior durabilidade, cargas mais velozes e ainda um custo de produção mais baixo.

 

Há algum tempo que eram conhecidas estas investigações de Dahn, sendo aguardadas com expetativas as conclusões. E descobriu-se agora que o segredo para os avanços está numa nova composição química com dois sistemas de aditivos para os eletrólitos dentro das baterias. Garantindo maior densidade e resistência ao desgaste, entre outros benefícios, destaque para o facto desta nova concepção poder ser aplicada não apenas às baterias de iões de lítio usadas pela marca de Elon Musk mas também naquelas com composição NMC (niquel-manganésio-cobalto) usadas por vários fabricantes. Desta forma, os ganhos com esta patente Tesla nas baterias serão ainda mais extensos e aplicados de forma mais abrangente, ajudando a fomentar o desenvolvimento de veículos elétricos.

 

Fonte: InsideEVS