Skoda Octavia Scout 2020

Publicidade

Skoda. Nova Octavia Scout quer ser alternativa a um SUV

Texto: Carlos Moura
Data: 15 de Junho, 2020

A Skoda acaba de dar a conhecer as primeiras informações sobre a nova geração daquela que é a versão mais aventureira do modelo Octavia, denominada Scout, e que pretende assumir-se como alternativa a um SUV. De resto e além das versões de tração integral, também estarão disponíveis variantes apenas com tração dianteira e preço mais acessível.

Após o lançamento da versão RS, a Skoda continua a apostar na diversificação da gama Octavia. A terceira geração deste modelo vai continuar a disponibilizar uma versão mais aventureira da carrinha, denominada Scout, que se assume como uma alternativa a um SUV.

Baseada na nova geração da Octavia Combi, a nova versão Scout apresenta um comprimento total de 4703 mm e uma largura de 1829 mm. Isto significa um aumento de 16 mm no comprimento e 15 mm na largura, face ao modelo que está na deu origem.

Por sua vez, a bagageira passa a ser uma das referências do seu segmento com uma capacidade de 640 litros.

A Octavia Scout apresenta uma maior altura ao solo e um estilo mais aventureiro

A altura ao solo da Octavia Scout também aumentou 15 mm para oferecer algumas capacidades para circular em maus caminhos e vem equipada, de série, com um pacote para estradas mais exigentes, designado Rough-Road.

Também com tração dianteira

Ao contrário das gerações anteriores que estavam disponíveis apenas com tração integral, a nova Octavia Scout será proposta, pela primeira vez, em versões de tração dianteira, para aumentar a sua competitividade em termos de preço de venda ao público.

LEIA TAMBÉM
Novo Škoda Octavia tem outro requinte

Com o objetivo de proporcionar viagens mais aventureiras, a parte dianteira e traseira dispõe de uma proteção inferior da carroçaria em alumínio falso. A carroçaria também recebeu proteções adicionais em plástico preto e cromados nos pára-choques.

O equipamento de série compreende barras de tejadilho, espelhos elétricos, jantes de 18” Braga, faróis de nevoeiro em LED, com opção LED Matrix.

Novo motor 2.0 TDI de 200 cv

A nível mecânico, a oferta vai incluir um motor 2.0 TDI com 200 cv que faz a sua estreia na Octavia Scout, passando a ser a motorização diesel mais potente de sempre nesta gama.

Este bloco 2.0 TDI também será proposto em níveis de potência de 115 cv e 150 cv. A oferta inclui ainda um motor 1.5 TSI de 150 cv, também disponível numa variante e-TEC, com tecnologia mild-hybrid.

As motorizações 2.0 TDI de 115 cv e 1.5 TSI de 150 cv dispõem de tração dianteira e caixa manual de seis velocidades, com exceção da versão e-Tech, associada a uma caixa de dupla embraiagem (DSG) de sete relações.

As motorizações 2.0 TSI de 190 cv e 2.0 TDI de 150 cv e 200 cv destinam-se às versões de tração integral – que continuam disponíveis – e contam, de série, com caixa DSG de sete velocidades.

O tablier do Octavia Scout possui uma decoração específica

Interior específico

A Skoda também efetuou algumas alterações no interior para diferenciar a versão Scout da restante gama Octavia. Os bancos dianteiros são exclusivos com logotipo específico Scout.

Os painéis das portas e os puxadores possuem apontamentos cromados, enquanto o tablier se distingue pelas decorações específicas. A consola central é dominada por um ecrã de dez polegadas.

Os pedais possuem acabamento em alumínio, enquanto os revestimentos dos bancos, do volante e do tablier possuem uma cor castanho Tabor.

Mais detalhes acerca do Octavia Scout serão revelados aquando da estreia mundial desta versão no início de julho, assim como outras novidades na gama Octavia.