Novo Bentley Flying Spur: É tão bom ser rico… (c/ vídeo)

Texto: Nuno Fatela
Data: 11 Junho, 2019

Pensado para combinar ainda melhor a excelência de uma limousine com a condução e agilidade de um sedan desportivo, a marca afirma que a única coisa que o novo Bentley Flying Spur mantém do seu antecessor é o nome…

Viva o luxo! Os mais abastados do mundo vão poder andar agora ainda mais bem sentados, já que foi apresentado o novo Bentley Flying Spur. Com a marca a destacar a enorme evolução em áreas como a tecnologia, performance e inovação, destaque também para uma atualização na estética. O objetivo passa por garantir que, mesmo sendo reconhecido imediatamente como um Bentley, que o novo Flying Spur tenha uma imagem mais moderna e contemporânea.

Partilhando a plataforma MSB com o novo Continental GT e com o Porsche Panamera, o novo Bentley Flying Spur pretende manter os altos patamares de requinte mas oferecer sensações mais desportivas. E que elas sejam sentidas tanto quando o proprietário decide conduzir como quando ele deseja ser transportado pelo seu chauffeur. A base para essas emoções fortes será o bloco a gasolina W12 6.0 TSI, que debita 635cv e 900Nm. Posteriormente a gama deve ser reforçada com uma opção V8 e uma versão híbrida Plug-In com bloco V6, mas de momento as especificações anunciam 3,8 segundos nos 0-100km/h e uma velocidade máxima de 333 km/h.

Como referido, a marca procurou garantir que nada incomoda os notáveis passageiros que são transportados no Bentley Flying Spur. Para tal surge o controlo de estabilidade Dynamic Ride alimentado pelo sistema de 48 volts, e a suspensão pneumática ganhou mais 60% de ar, passando a contar com três câmaras ao invés de somente uma. Para maior manobrabilidade, temos também um eixo traseiro direcional e, reforçando o feeling desportivo, o sistema de tração integral dá primazia ao envio da força para a retaguarda. Dependendo do modo de condução, as rodas dianteiras podem receber até 480Nm dos 900Nm disponíveis, mas no modo “Sport” apenas serão canalizados 280Nm.

Em termos estéticos encontram-se na dianteira os maiores destaques do novo Bentley Flying Spur. Desde logo porque a grelha foi reformulada e as rodas de 21” (opção por 22”) estão mais próximas da frente do carro. Mas também porque o distinto formato a imitar cristais das óticas LED do Continental GT também surge neste modelo, e também pelo incrível trabalho dado ao símbolo da marca. Agora o Flying B não apenas pode ser recolhido eletricamente como também passa a contar com iluminação nas suas asas.

A bordo temos a habitual combinação entre peles e madeira, podendo o cliente optar por distinguir a sua área e aquela destinada ao chauffeur, escolhendo cores diferentes para a dianteira e retaguarda. Com a nova plataforma a garantir mais 130mm na distância entre eixos, o espaço interior foi também alargado, surgindo ainda diversas inovações tecnológicas. E, sabendo que o ecrã de 12,3” do infotainment não está habitualmente próximo do lugar do proprietário, a Bentley incluiu um tablet amovível para os lugares traseiros, onde se podem ver diversas informações da viatura e também configurar a climatização, massagem e iluminação ambiente. Outro destaque do novo Bentley Flying Spur está na estreia mundial as novas costuras que conferem um perfil 3D à zona das portas do opulento modelo britânico, um apontado de estilo inspirado no inesquecível concept EXP 10 Speed 6.

 

Veja também:

Bentley Continental GTC – Luxo supremo
Teste Bentley Bentayga V8: Veia Aristocrática
Bentayga já tem poder híbrido
Bentley à caça de recordes na subida às nuvens
Primeiro Bentley Diesel na Europa… será o último

Partilhar