Makoto Uchida é o novo CEO da Nissan após polémicas

Texto: João Monteiro de Matos
Data: 8 Outubro, 2019

A Nissan nomeou esta terça-feira, oito de outubro, Makoto Uchida, antigo chefe de divisão da marca na China, como presidente e CEO.

Desta forma, a empresa nipónica parece ter encontrado um líder que consiga ajudar a fabricante a dar a “volta por cima”, isto depois de ter sido atingida por vários escândalos de corrupção internos que levaram até à prisão do ex-presidente Carlos Ghosn e a renúncia, no mês passado, do ex-CEO Hiroto Saikawa.

A nomeação deve acontecer em janeiro de 2020, disse a Nissan em comunicado enviado às redações de todo o mundo.

Uchida assumirá o comando de Yasuhiro Yamauchi, que está como presidente interino desde que Saikawa deixou o cargo a 16 de setembro.

Uchida tem um trabalho árduo pela frente. Terá de lutar de forma afincada para reverter os lucros em queda, reconstruir relações com o principal acionista, a Renault.

Uchida não é um nome novo no universo da Nissan.

O futuro CEO da gigante asiática coordenou as operações da Nissan na China desde 2018.