Lewis Hamilton tem um camião para transportar carros…

Texto: Nuno Fatela
Data: 23 Agosto, 2018

Dono de uma invejável coleção de automóveis, o piloto britânico tem uma curiosa solução para ajudar a manter o valor dos seus automóveis, protejendo o seu investimento ao transportá-los de camião.

Como poderá ver na fotogaleria seguinte, Lewis Hamilton tem uma garagem que é um verdadeiro cofre. O piloto britânico, cujo primeiro carro foi um Mini Cooper usado, e que depois trocou por um Mercedes C200, tem hoje em dia formas muito mais exclusivas de se deslocar. Os dois Shelby Cobra e a dupla de LaFerraris, bem como um Pagani Zonda e um McLaren P1, são carros de alto valor e que no futuro (dada a crescente aposta em automóveis como bens de investimento para colecionadores) ainda devem valorizar mais. Neste tipo de negócio, menos quilómetros significam mais valor, pelo que Hamilton tem uma forma singular de transportar os automóveis.

Shelby Cobra
Hamilton não tem um, mas sim dois...
Shelby GT500 (1967)
Ferrari 599 SA Aperta
Ferrari LaFerrari Coupé
Ferrari LaFerrari Aperta
(no caso do carro de Hamilton, a pintura é branca)
McLaren P1
Pagani Zonda 760
(foto: Facebook)
Mercedes Project One
Está na lista de clientes para o hiperdesportivo da marca alemã
Mercedes 300 SL Gullwing
Não possui nenhum, mas afirma que este seria um dos seus carros de sonho
Ferrari 250 GT California Spider
Tal como o Mercedes com asas de gaivota, também este Ferrari faz parte da lista de compras do campeão de Fórmula 1

(As fotos apresentam apenas os modelos, não correspondem especificamente aos automóveis que pertencem a Lewis Hamilton)

 

Para proteger o seu investimento, o campeão mundial de Fórmula 1 e líder do mundial tem um camião de transporte na sua casa de Los Angeles (onde está parte da coleção, com o resto das máquinas na garagem da habitação no Mónaco) . Ou seja, quando decide ir passar um bom momento em algum circuito, ou em outras ocasiões, ele transporta os automóveis neste pesado, reduzindo assim os quilometros feitos pelos desportivos. Por isso, no futuro poderemos vir a ter muitas notícias sobre o alto valor que vão atingir os seus carros de colecção. Afinal, à exclusividade da limitada produção do Mercedes AMG Project-One ou do LaFerrari Aperta branco, e de outros dos seus bólides, juntam-se a pouca quilometragem percorrida e o facto deles terem pertencido a um dos pilotos com mais sucesso de sempre na Fórmula 1.

 

Sabia que os automóveis de luxo são considerados pelos analistas como um investimento seguro para diversificar a carteira de ativos?

 

Fonte: Autoblog