Jaguar F-Type de ralies mostra-se numa especial do WRC

Texto: Nuno Fatela
Data: 12 Novembro, 2018

Continuando a celebrar os 70 anos dos seus desportivos, desde que surgiu o XK120, foi agora apresentado um bólide bem especial. Trata-se do Jaguar F-Type de ralies, um descapotável preparado para entrar em modo de ataque nos troços percorridos pelos carros do WRC

A Jaguar continua em festa, assinalando sete décadas a criar desportivos que arrebatam os fãs. E nada como lançar ainda mais modelos incríveis  para fazer uma celebração como esta. É isso que acontece agora com este F-Type Convertible bem especial, que tem algumas ligações estilísticas, especialmente no interior, aos novos Chequered Flag Limited Edition. Trata-se do Jaguar F-Type de ralies, um modelo que, como pode ver no vídeo deste artigo, até já mostrou as suas capacidades nos troços de ‘Walter Arena’, que já foi percorrida em alguns anos pelos pilotos WRC no Rali da Grã-Bretanha.

Além de celebrar 70 anos do XK120, este bólide assinala especificamente um exemplar histórico da produção deste modelo. Trata-se do ‘NUB 120’, que no início da década de 1950 ganhou por três vezes o Coupe des Alpes (Rali Alpino) e que também venceu o RAC (Rali de Gales) e o Tulip Rally. Para assinalar essa herança, o Jaguar F-type de ralies recebeu várias alterações seguindo as normas da FIA. Os trabalhos focaram-se principalmente em três áreas: suspensão, sistema de travagem e segurança.

Para garantir a proteção quando se segue a fundo por especiais de gravilha, neve, asfalto ou outras superfícies, temos desde logo uma Roll Cage, bancos de competição com cinto de segurança de seis pontos e sistema de extinção de incêndios. Além disso, também ajuda na segurança o elemento mais marcante do design deste carro, que é o conjunto de quatro potentes focos na frente do capot.

O sistema de travagem passa a contar com discos ranhurados e pinças de quatro êmbolos, enquanto na suspensão as atenções centram-se, especialmente, nos amortecedores manufaturados. Eles podem ser adaptados em três níveis diferentes, consoante as especiais que o Jaguar F-Type de ralies encontre, e trabalham em conjunto com molas mais suaves que nos F-Type Chequered Flag. Afinal, as superfícies a atravessar e as necessidades de desempenho são distintas entre os modelos de estrada e os de ralies. O que não muda é o motor, com a marca a recorrer ao motor de quatro cilindros Ingenium que tem dois litros de capacidade e consegue alcançar os 300cv.

Partilhar