Publicidade

Grupo Volkswagen reorganiza estrutura diretiva

Texto: Nuno Fatela
Data: 16 de Dezembro, 2016

Apostar em perfis com maior experiência e incorporar mais mulheres e profissionais estrangeiros na cúpula diretiva são os objetivos do líder do mercado mundial.

O Grupo Volkswagen anunciou a introdução de novas orientações para a escolha do staff para cargos superiores, procurando simultaneamente incorporar mais pessoas do sexo feminino e estrangeiras (de fora da Alemanha) e também escolher profissionais com maior experiência acumulada no seu perfil. O objetivo passa por reforçar o caráter internacional do consórcio líder do mercado mundial e também obter novas perspetivas por parte deste staff, ficando apta a responder aos novos desafios decorrentes da transformação da indústria automóvel, como nas vertentes da eletrificação, digitalização e conetividade.

Estas alterações foram explicadas pelo responsável de Recursos Humanos no Conselho Executivo do Grupo VW, Karlheinz Blessing, que afirmou que desta forma o grupo vai “promover uma cultura de debate e tomada de decisões, aceitando que se cometem erros e apoiando a sua correção, reforçando a mentalidade e ação empreendedora, encorajar a agilidade e fortalecer uma cooperação que abarque toda a amplitude do grupo. A experiência passada em cargos internacionais e também em diversos mercados e áreas de negócio serão até 2021 critérios de referência, tornando-se obrigatórios na escolha do staff para cargos de topo a partir desta data.