Publicidade

Ford e Jaguar Land Rover unem-se na comunicação entre veículos e infraestruturas

Texto: Nuno Fatela
Data: 21 de Novembro, 2016

Os dois fabricantes estão a desenvolver em conjunto um sistema de comunicação entre os veículos e a rede rodoviária que permite reduzir o tempo parado nos sinais vermelhos.

A Jaguar Land Rover e a sua antiga proprietária, a Ford, uniram-se para desenvolver um projeto que visa acelerar a implementação da condução autónoma através de desenvolvimentos na área da comunicação V2I (veículo para a infraestrutura). Denominado Green Light Optimal Speed Advisory, esta tecnologia desenvolvida em conjunto vai minimizar as paragens nos sinais vermelhos, ao informar as viaturas da mudança de cor nesta sinalização luminosa. E são várias as vantagens apontadas a este sistema, desde logo minimizando as emissões ao reduzir a atividade das funções de motor associadas às paragens e arranques. Outro grande benefício do sistema é permitir gastar menos tempo parado no trânsito, a que se junta ainda a diminuição dos consumos. O condutor será também informado, em caso de paragem, qual o tempo que irá ter de esperar até poder retomar a sua marcha.

Esta investigação encontra-se integrada no UK Autodrive, o grande projeto que visa acelerar a implementação da condução autónoma no Reino Unido e do qual é parte essencial o desenvolvimento e teste de sistemas de comunicação entre viaturas (V2V) e dos veículos para as infraestruturas (V2I). Com estas inovações tecnológicas as autoridades inglesas esperam conseguir tornar a segurança mais segura, menos stressante, reduzir o impacto ambiental dos automóveis e permitir gastar menos tempo retido no trânsito.

Fonte: Autocar