De cortar a respiração: fica sem travões a 250 km/h

Texto: Miguel Policarpo
Data: 22 Maio, 2018

Quando se fica sem travões a 250 km/h não há muito a fazer a não ser rezar para que a estrada não acabe e haja espaço para perder a velocidade progressivamente. Não foi o que aconteceu ao piloto Facundo Conta…

Durante os treinos para o Super TC 2000, que decorreram em Potrero de los Funes, Argentina, Facundo Conta seguia a 250 km/h quando tenta travar… e não consegue. Ao piloto da Chevrolet YPF restou apenas prepara-se para a colisão contra as barreiras de proteção e para a paragem abrupta. Felizmente, Conta saiu pelos seus próprios pés, seguindo para o hospital por prevenção. Sem ferimentos. Impressionante, considerando a velocidade e o estado em que ficou o Chevrolet Cruze.

Partilhar