Carlos Ghosn nos momentos antes da detenção (vídeo)

Texto: Filipe Bragança
Data: 9 Abril, 2019

O ex-CEO da Nissan afirma ser vítima de uma conspiração.

O vídeo foi  gravado momentos antes da nova detenção, que ocorreu na passada quinta-feira, dia 4 de Abril. Ghosn encontrava-se em liberdade condicional, depois de ter pago uma fiança, mas vê-se agora detido pela quarta vez. Em causa estão três crimes de peculato. Neste vídeo o ex-CEO repete que é “inocente de todas as acusações” e que “tudo não passa de uma conspiração”.

Carlos Ghosn afirmou: “Tenho muito respeito pelos funcionários da Nissan. Eu falo é de alguns executivos que obviamente, por interesse próprio, estão a criar muita destruição. Estamos a falar de pessoas que realmente jogaram um jogo muito sujo”.

Lembre-se que para além da aliança Nissan-Mitsubishi, Carlos Ghosn conduziu os destinos da Michelin North America, Renault e AvtoVaz  sempre como CEO.

 

Veja também:

Ghosn demite-se a partir da prisão
Grupo Fiat Chrysler deverá pagar milhões à Tesla
Aliança mantém liderança do mercado mundial
Motor do Skyline GT-R R32 produzido novamente

Fonte: Japantimes; The Telegraph

Partilhar