Brabus brinda Mercedes-AMG GT 63 S com acréscimo de 150 cavalos

Texto: Filipe Bragança
Data: 6 Junho, 2019

Este Mercedes-AMG 63 S  da Brabus oferece agora 789 cavalos.

Para a Brabus, um pouco mais nunca fez mal a ninguém. A preparadora alemã especializou-se em afinar as máquinas da Mercedes ao limite, concedendo-lhes ainda mais presença na hora de partir para a estrada.

O coupé recebeu o tratamento ‘800’ da Brabus, que se traduz num trabalho aprofundado a pensar na performance. Ao motor V8 de 4.0 litros, juntaram-se dois turbos totalmente redesenhados. Ao mesmo tempo, os mecânicos recalibraram o ECU para que este Mercedes produza agora 789 cv (mais 150 que o modelo base) e 1000 Nm de binário. Este aumento de potência traduz-se numa aceleração dos 0-100 km/h em apenas 2,9 segundos (menos 0,3 segundos que o original), números avassaladores para um sedan de quatro portas. A velocidade máxima encontra-se eletronicamente limitada aos 315 km/h.

Para além das alterações ao nível da mecânica, o Mercedes-AMG 63 S da Brabus também recebeu um conjunto de elementos em fibra de carbono. Destes novos componentes, testados em túnel de vento, destaque para as entradas de ar do pára-choques da frente maiores e para o novo difusor traseiro. Nota ainda para as novas jantes com 21’’ (à frente) e 22’’ (atrás), desenhadas para caber dentro dos arcos das rodas deste automóvel, que agora se apresentam 25 mm mais baixos.

Para finalizar, o interior deste Brabus recebeu um revestimento em pele e Alcântara, com apontamentos em madeira e fibra de carbono, disponível em diversas cores. Como não podia faltar num Brabus, os puxadores das portas, pedais e patilhas do volante são em alumínio e combinam com as placas decorativas da preparadora alemã.

 

Veja também:

Mercedes-AMG A45 quase a nú (vídeo)
Versatilidade desportiva: Nova Mercedes-AMG CLA 35 SB
BMW “picou” e a Mercedes respondeu…
BMW despede-se do ex-CEO Mercedes com pequena provocação (c/ vídeo)

 

Fonte: Carscoops