BMW polvilha Série 8 com meteoritos

Texto: Nuno Fatela
Data: 5 Janeiro, 2019

Para um visual verdadeiramente exclusivo, este BMW Série 8 Night Sky recorre, além dos meteoritos para os seus interiores, também às técnicas de impressão 3D 

O Grupo BMW já antes tinha apresentado um modelo de inspiração verdadeiramente espacial, com o Rolls-Royce Wraith Luminary Collection, mas agora essa abordagem ao que se encontra para além do planeta Terra atinge novos patamares de requinte com o BMW Série 8 Night Sky. Tudo porque a marca, aproveitando a chuva de meteoritos causada pela passagem do asteriode 2003 EH, na noite de 3 para 4 de janeiro, até se deu ao trabalho de usar meteoritos para a decoração.

Os olhares neste BMW Série 8 Night Sky concentram-se em locais como a consola central, botão de ignição, alavanca da caixa e comando de controlo iDrive. Afinal, é nestes locais que se podem encontrar os acabamentos criados com meteoritos que caíram no solo terrestre. Mas existem muitos outros pontos de interesse, como a iluminação embutida no compartimento central de arrumação, que replica o olhar para um céu estrelado.

Agora, tempo para uma aula de física. Poderá ver também nas fotos um padrão similar aos cristais de gelo, que é habitualmente encontrado nos meteoritos e que resulta da fusão e arrefecimento dos materiais que os compõem, posteriormente polidos. Este padrão é designado como Widmanstatten, pois foi observado pela primeira vez pelo cientista austríaco Alois von Beckh Widmanstatten, e que foi integrado, através da impressão 3D, em diversos locais do interior e exterior do BMW Série 8 Night Sky.

 

Falando da “parte de fora” desta berlina de luxo, e da impressão 3D, não podiamos deixar de destacar as pinças de travão. Afinal, a aparência final também parece de um material de outro planeta. E, além de permitir a gravação do nome deste modelo, também tem a vantagem de ser 30% mais leve do que as pinças tradicionais. Podem não ser as maiores do mundo, como as do Chiron que também são impressas a 3D, mas a marca afirma que existem benefícios no conforto e na dinâmica de condução.

Com uma pintura obtida a partir de três camadas de tinta, para obter uma sensação de profundidade que evoca o espaço sideral, este BMW Série 8 Night Sky é um verdadeiro foguetão. E conta voar com o motor V8 twinturbo 4,4L, que debita 530cv e 750Nm, da versão M850i. Não dá para atingir a velocidade da luz, mas já serve bem para acelerar até à próxima chuva de meteoritos…