Apollo IE desperta intensas emoções

Texto: Nuno Fatela
Data: 26 Outubro, 2017

Anunciado como “a forma mais verdadeira e orgânica de um hipercarro”, é ainda indicado que este bólide foi fabricado a partir de uma folha totalmente em branco para que nenhum preconceito influenciasse negativamente o resultado final. Com 780CV e 760Nm a despertar emoções intensas, este é o Apollo IE – Intensa Emozione.

Foi hoje revelado mais um feroz predador no habitat dos superdesportivos, com a chegada do Apollo IE. O nome deste modelo da Apollo Automobile, nascida das cinzas da Gumpert, remete para a expressão Intensa Emozione, e pelo que foi agora dado a conhecer, é precisamente isso que ele promete entregar a quem esteja ao volante. Com um design inspirado nos aviões a jato e nos predadores de topo da cadeia alimentar, técnicas de fabrico, materiais e componentes oriundos da competição e um poderoso V12 atmosférico a oferecer as puras sensações de um superdesportivo, a pior notícia é a quantidade de uniddes produzidas. Infelizmente, apenas serão fabricados dez Apollo IE.

Design e estrutura

Com um estilo que se inspira na perfeição aerodinâmica dos aviões a jato, essa eficácia a rasgar o vento é demonstrada em cada elemento da carroçaria do Apollo IE. Entre os traços estilísticos que mais se destacam estão claramente a grande asa traseira, a tripla saída de escape ao centro com formas invulgares e ainda a abertura das portas na vertical. Este é indubitavelmente um estilo bastante agressivo, que se inspira também em predadores de topo como os tubarões ou os velociraptors, pois a ideia passa por caçar todos os adversários que surjam no seu caminho. O resultado final são uns incríveis 1300kg de downforce, e a capacidade de suportar forças de 2G em curva.

Em destaque está também a combinação entre técnicas avançadas de fabrico e materiais compostos, como os que se vislumbram na própria carroçaria. É o caso do chassis integralmente fabricado em fibra de carbono, que na sua totalidade (monocoque e subchassis dianteiro e traseiro) tem um peso de somente 105kg. Embora não tenha sido revelado o peso total do Apollo IE, é referido que ele está distribuído numa relação de 45%-55%.

A suspensão recorre a um sistema push-rod que se inspira na F1 e a barras anti-rolamento ajustáveis, numa solução com assinatura da Bilstein e que permite escolher entre os modos Comfort, Sport e Auto. Mas, ‘como a vida não é só circuito’, para garantir máximo conforto existe um sistema hidráulico que aumenta a estrutura em 50mm quando se circula abaixo dos 30 km/h. No outro extremo da balança, é ainda destacado no Apollo IE o sistema de elevação rápida com quatro macacos pneumáticos, para que o condutor perca o mínimo tempo durante as paragens quando vai guiar em pista.

No sistema de travagem encontramos a reconhecida eficácia Brembo. Para o Apollo IE a opção foi para discos de carbocerâmica com 380x34mm, com pinças de seis pistões na dianteira e quatro pistões na traseira. Uma curiosidade reside no facto da marca indicar a existência de jantes com dimensões distintas para a condução em pista ou em estrada, e que são de 18’’ em circuito ou com 20’’ (dianteira) e 21’’ (retaguarda) em vias públicas.

Motorização

“Sem turbo. Sem sistemas híbridos. Apenas o equilíbrio perfeito entre velho e novo”. É assim que é explicada a opção por um V12 6.3L atmosférico para o Apollo IE. Este bloco, desenvolvido em parceria com a Autotecnica Motori, debita 780CV e oferece 760Nm, garantindo acelerações até aos 100km/h em 2,7 segundos e uma velocidade máxima de 335 km/h. Com o mapeamento do motor a poder ser alterado entre os modos Wet, Sport e Track, e a opção entre doze níveis para o  controlo de tração, referência ainda para a transmissão sequencial Hewland que utiliza patilhas móveis no volante. Uma solução que, ao contrário das patilhas fixas, garante maior facilidade nas passagens de caixa, algo que acaba por ser essencial quando se está a guiar a fundo um modelo de topo como o Apollo IE.

Se considera que o Apollo IE é uma verdadeira máquina, então não pode deixar de descobrir esta lista com os 15 carros que superam os 400 km/h

 

Partilhar